MENU

Adriano: 'Estava de folga. Não tenho que ficar preso dentro de casa'

Adriano: 'Estava de folga. Não tenho que ficar preso dentro de casa'

Atualizado: Quarta-feira, 8 Junho de 2011 as 4:17

O atacante Adriano se mostrou descontente com a repercussão dos passos que dá fora do futebol. No último sábado, o jogador foi visto em uma boate, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, dois dias depois de ter tirado a bota imobilizadora que protegia o tendão do pé esquerdo, operado em abril. Segundo ele, o clube tinha conhecimento que ele sairia.

- Eu estava de folga. O Corinthians me liberou e fui ver meus amigos. Não tenho que ficar preso dentro de casa para sempre. O problema é que quando se fala do Adriano a repercussão é sempre muito grande – afirmou em entrevista à rádio Bandeirantes.

A direção alvinegra, aliás, evitou qualquer polêmica sobre o assunto. Na terça-feira, após a apresentação do goleiro Renan, no CT Joaquim Grava, o diretor de futebol Roberto de Andrade disse não ver qualquer problema em o Imperador se divertir, mesmo durante o processo de recuperação física.

- Aqui não é um presídio. O jogador pode fazer o que quiser na folga – resumiu o dirigente.

Mas no departamento médico do Corinthians o clima é outro. Membros do corpo clínico reclamaram ao Globoesporte.com que Adriano não cumpre, fora do clube, as recomendações dadas. Além dos cuidados com o local operado, a bronca é também com o desleixo dele com o peso. São cerca de 10kg acima do considerado ideal.

Adriano, porém, garante que sua recuperação vem sendo boa e fala até em retornar à Seleção Brasileira no futuro. A previsão é de que ele estreie com a camisa do Corinthians no mês de setembro.

- A recuperação está melhor que o esperado e a ideia é fazer um bom trabalho no Corinthians para aí sim voltar à seleção - finalizou.          

veja também