MENU

Adversárias têm certeza que Marta levará o prêmio da Fifa pela 5ª vez

Adversárias têm certeza que Marta levará o prêmio da Fifa pela 5ª vez

Atualizado: Quarta-feira, 8 Dezembro de 2010 as 8:26

Marta evita falar em favoritismo na eleição da Fifa, mas as adversárias não têm dúvidas de que a brasileira será eleita pela quinta vez seguida a melhor jogadora do mundo. No dia 10 de janeiro, em Zurique, na Suíça, a atacante do Santos deve repetir o feito de 2006, 2007, 2008 e 2009, na opinião das capitãs das seleções do Canadá, México e Holanda, ouvidas pela reportagem do GLOBOESPORTE.COM, nesta terça-feira.

- Tenho certeza que ela vai ganhar, é muito merecido. Ela já mostrou que merece por tudo o que jogou mais uma vez esse ano - disse a canadense Christine Sinclair, de 27 anos, que atuou junto com a brasileira no FC Golden Pride, dos Estados Unidos, e também foi indicada ao prêmio da Fifa, mas acabou ficando de fora da fase final.

Marta irá concorrer ao troféu com as alemãs Birgit Prinz, de 33 anos, e Fatmire Bajramaj, de 22 anos. Antes da festa de premiação, a atacante disputará com a Seleção Brasileira o Torneio Internacional Cidade de São Paulo, entre os dias 9 e 19 de dezembro, no Pacaembu, em São Paulo.

Assim como a canadense Sinclair, mexicanas e holandesas também rasgaram elogios a Marta.

- Ela é extraordinária, realmente a melhor do mundo. É uma jogadora muito difícil de se marcar, você nunca sabe o que ela vai fazer com a bola - afirmou Rubí Marlene Sandoval, de 26 anos, capitã da Seleção do México.

- Ela é muito importante para o Brasil. Ela tem velocidade e é muito inteligente - elogiou Daphne Koster, de 29 anos, zagueira da Holanda.

Apesar das palavras das rivais, Marta prefere manter os pés no chão. A brasileira demonstra confiança em conquistar o penta, mas não quer comemorar antes da hora.

- As expectativas são boas. Acho que fiz um ano bem positivo, ganhei todas as competições que participei. Não existe satisfação maior do que estar lá novamente e saber que fiz um trabalho que me levou até esse ponto de novo - disse Marta, que recebeu das mãos de políticos uma placa de homenagem, nesta terça-feira, na capital paulista.

Kleiton Lima, técnico da Seleção Brasileira, vai mais além. Para ele, nenhuma jogadora do mundo atualmente se encontra em um nível nem sequer próximo ao de Marta.

- Não vejo dificuldades para ela ganhar mais uma vez o prêmio. Guardadas as devidas proporções, a única pessoa que pode ser comparada a ela é o Pelé. A palavra fenômeno acabou virando carne de vaca, todo mundo usa esse termo, mas ela é o verdadeiro fenômeno.

veja também