MENU

Ainda juntando os cacos pela derrota para o Milan, Inter pega o Schalke

Ainda juntando os cacos pela derrota para o Milan, Inter pega o Schalke

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2011 as 9:42

Um jogo para levantar a poeira. Assim o Inter de Milão encara o duelo contra o Schalke 04, nesta terça-feira, pela primeira partida entre as duas equipes nas quartas de final da edição da Liga dos Campeões 2010/2011. O motivo? Apagar o baixo astral do elenco nerazzurro após a derrota de 3 a 0 no clássico diante do Milan no último sábado pelo Campeonato Italiano.

- Penso sempre positivo. Não existe tristeza por causa da derrota, que é o que acontece quando você perde. Agora temos o Schalke - disse o técnico Leonardo.

Para a partida, que acontece no estádio Giuseppe Meazza às 15h45m e terá a transmissão em tempo real do GLOBOESPORTE.COM, o treinador brasileiro não poderá contar com o atacante Pazzini. Como disputou a pré-Liga dos Campeões pelo Sampdoria, o atleta não pode mais disputar a competição por outra equipe.

Além de levantar o moral do Inter, Leonardo também tenta conseguir sua primeira vitória em Milão como técnico em duelos válidos pela Champions.

Na temporada 2009/2010, no comando do Milan, ele foi derrotado duas vezes no Giuseppe Meazza (Zurique e Manchester United) e empatou outras duas (Real Madrid e Olympique). Já no Inter, em fevereiro, não conseguiu passar pelo Bayern (1 a 0 para os alemães que acabaram eliminados no duelo de volta, em Munique).     Pelo lado do Schalke, a esperança está nos pés de Raúl, que brilhou nos duelos contra o Valencia nas oitavas de final. No último final de semana, o veterano atacante espanhol balançou as redes no triunfo diante do St. Pauli (2 a 0) pelo Campeonato Alemão. A vitória animou o técnico Ralf Rangnick para o confronto contra o Internazionale.

- Com o rendimento que tivemos diante do St. Pauli viajamos para Milão com mais tranquilidade - disse.

Confira as prováveis escalações:

Inter: Julio César; Maicon, Lucio, Ranocchia, Chivu; Zanetti, Motta, Stankovic, Sneijder; Milito e Eto'o.

Schalke: Neuer; Uchida, Höwedes, Metzelder, Sarpei; Matip, Papadopoulos; Farfán, Baumjohann; Raúl e Edú.

Árbitro: Martin Atkinson (ING).    

veja também