MENU

Alan Patrick garante vitória e não sente peso de substituir Ganso

Alan Patrick garante vitória e não sente peso de substituir Ganso

Atualizado: Quinta-feira, 12 Maio de 2011 as 10:18

O substituto de Paulo Henrique Ganso. Esse é o tamanho da responsabilidade que o jovem meia Alan Patrick tem de carregar. Prestes a completar 20 anos (na próxima sexta-feira), o jogador mostrou na última quarta-feira, contra o Once Caldas, em Manizales (COL), na partida de ida das quartas de final da Taça Libertadores, que encara a missão com tranquilidade. Seu gol garantiu a vitória alvinegra por 1 a 0 (assista aos melhores momentos).

No lance do gol, aliás, Alan mostrou frieza ao dominar o passe de Neymar, esperar a definição do goleiro e tocar no canto direito.

- Fui feliz no lance. A jogada do Neymar foi muito bonita também e eu consegui completar. O Ganso é um grande jogador e eu estou tentando fazer bem o meu papel. O treinador está me dando oportunidade e eu tento agarrar - afirmou o jogador

  O meia agora se prepara para a final do Paulistão, domingo que vem, contra o Corinthians, na Vila Belmiro. Sonha repetir a dose.

- Será um jogo complicado, mas estamos todos preparados e focados. Quando queremos, fica difícil parar o Santos - ressaltou ele, valorizando a qualidade do time do Santos.

Alan Patrick foi definido como substituto do camisa 10 no último domingo, durante jogo contra o Corinthians, no confronto de ida da final do Paulistão. Ganso se machucou ainda no primeiro tempo, sofreu lesão muscular na coxa direita e só volta em seis semanas.

- Eu sempre converso com os jogadores que não atuam. Peço a eles para trabalharem sempre forte, pois a qualquer momento a chance aparece. O Alan entrou bem domingo (contra o Corinthians) e, mais uma vez, jogou bem contra o Once Caldas. Ele faz a ligação e chega à frente para ajudar o ataque. Comigo é assim: quem merece jogar, joga - alertou o técnico Muricy Ramalho.

Alan Patrick comemora o gol marcado para o Santos contra o Once Caldas (Foto: AP)      

veja também