MENU

Alejo Muniz leva o troco de Mick Fanning e cai nas quartas do Rio Pro

Alejo Muniz leva o troco de Mick Fanning e cai nas quartas.

Atualizado: Quarta-feira, 16 Maio de 2012 as 9:01

Nas duas primeiras etapas do Circuito Mundial, Alejo Muniz remava para as ondas, mas não conseguia surfá-las. Recuperando-se de uma lesão no joelho esquerdo - que o atrapalhava desde dezembro -, o argentino naturalizado brasileiro amargou duas eliminações na repescagem. No Rio de Janeiro, uma classificação heroica às quartas de final, depois de empurrar Joel Parkinson e Mick Fanning para a repescagem. Bicampeão do mundo, Mick sobreviveu à quinta fase e, nesta quarta-feira, voltou a enfrentá-lo. Deu o troco, com direito a combinação, a "goleada" no surfe. Adriano de Souza, o Mineirinho, agora é o único brasileiro na disputa.

 

Alejo tentava não igualar o melhor resultado na carreira. No ano passado, em sua etapa de estreia, na Gold Coast australiana, ele chegou até as semifinais. A lesão foi sofrida um pouco antes do Pipeline Masters, último desafio da temporada. Machucou-se durante uma partida de tênis, em um dia sem ondas.
Aos cinco minutos, Mick entrou, mas não saiu de um tubo. Aos oito, de novo se escondeu dentro de uma onda e foi recompensado com um 8,00. O aussie somou um 6,33 e, a 14 minutos do fim, trocou-a por 8,57.
Alejo tinha apenas 1,17 e 3,40. Estava em combinação. Para virar, precisaria de uma soma de 16,58 pontos, em 20 possíveis. Só conseguiu um 2,50.

veja também