MENU

Algoz do River revela que Maradona o parabenizou por gol histórico

Algoz do River revela que Maradona o parabenizou por gol histórico

Atualizado: Quarta-feira, 29 Junho de 2011 as 1:30

Guillermo Farré com o filho Salvador

(Foto: Reprodução / Olé)

  Guillermo Farré. O nome deste argentino de 29 anos nunca será esquecido pelos torcedores do River Plate. Autor do gol que selou o rebaixamento de um dos times mais populares do país, o meia do Belgrano revelou que seu celular não parou de tocar desde o fatídico 1 a 1 contra o River, na disputa da "promoción". Uma das ligações foi feita por ninguém menos que o ídolo Diego Armando Maradona, torcedor confesso do Boca Juniors.

- Me disse que foi um dos gols que mais comemorou na vida. É impossível descrever a satisfação que senti quando escutei isso - lembrou, em entrevista ao diário argentino "Olé".

O jogador falou sobre a emoção de marcar um gol histórico para o futebol argentino, e descreveu o momento, pregando respeito ao River.

- Está começando a cair a ficha e as pernas estão começando a parar de tremer. Eu gosto de olhar para trás e perceber onde estava e onde cheguei. Durante o ano todo, reclamavam que eu não fazia gols, e eu dizia que ainda ia marcar o mais importante. Todos riam de mim, mas foi verdade no fim das contas. Unificamos os pensamentos e nos demos conta de que o Belgrano não podia estar ali. O companheirismo, o sacrifício e a humildade foram importantes - relatou o atleta, que começou no modesto El Fortín, da cidade de Colón.

Guillermo Farré comemora gol contra o River Plate (Foto: AP)

  arré atribuiu o sucesso ao filho Salvador, a quem chama de "filho amuleto". Desde que o menino nasceu, o Belgrano ficou 14 partidas sem perder, e se salvou do rebaixamento.

- Quando fiz o gol, fui correndo para a metade do campo e fiz uma chupeta com as mãos para dedicar a ele.

O objetivo do meia agora é manter o Belgrano na primeira divisão, mas ele mira novas conquistas.

- O que aconteceu é algo único e irrepetível. Mas temos que projetar o futuro...o sonho, por enquanto, é jogar na primeira divisão e manter o Belgrano por lá durante vários anos - concluiu.

veja também