MENU

Alonso: "Massa não é um inimigo"

Alonso: "Massa não é um inimigo"

Atualizado: Quinta-feira, 18 Março de 2010 as 12

Após a ultrapassagem sobre Felipe Massa na largada do GP do Bahrein e a vitória em Sakhir, Fernando Alonso minimizou a importância da manobra. Para ele, foi um lance normal de corrida, sem significados na divisão de poder dentro da Ferrari. O espanhol considera o brasileiro um rival, não um inimigo.

- Acho que essa ultrapassagem não foi tão importante. Primeiro, Massa não é um inimigo. Talvez um rival, mas não um inimigo. E é claro que ele, que tem o mesmo carro, vencerá algumas corridas e eu, outras - diz Alonso, em entrevista ao jornal italiano "La Stampa".

Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari, ressaltou que a equipe não terá espaço para brigas entre Alonso e Massa. A estabilidade da parceria latina sempre foi colocada em dúvida, já que os dois tem um histórico de disputas na pista e algumas discussões fora delas.

- A equipe vem primeiro, antes dos dois pilotos - diz Montezemolo, em entrevista ao jornal espanhol "El Pais".

veja também