MENU

André Lima comemora boa fase no campo e também no Cartola

André Lima comemora boa fase no campo e também no Cartola

Atualizado: Sexta-feira, 9 Setembro de 2011 as 1:47

André Lima se diverte jogando Cartola FC

(Foto: Bruno Junqueira/Trato.Txt)

  Autor de quatro gols nos últimos dois jogos, André Lima comemora o encerramento de uma fase contraditória com aquela vivida ao fiml da temporada passada.

Após destacar-se em parceria com Jonas, mantendo o bom desempenho no início deste ano, o centroavante do Grêmio sofreu grave lesão no joelho direito, passou por cirurgia, e voltou a jogar aproximadamente quatro meses depois.

Foi necessário, porém, readaptar-se à velocidade das partidas competitivas do Campeonato Brasileiro, para reprisar as atuações de 2010. Contra o Corinthians fez um gol e, na goleada sobre o Atlético-PR, marcou outros três. Mudou o vento.

E André Lima não comemorou apenas o renascimento do 'Guerreiro Imortal', figura com a qual se apresenta e é reconhecido pela torcida. A felicidade foi dobrada porque os gols lhe renderam 22,70 pontos no Cartola FC SporTV . E participar desta disputa virtual é uma das diversões do camisa 99 gremista.

Seu time integra uma liga restrita a funcionários do clube. Com 1.011 pontos no total, é o 9º colocado, mas a recuperação da forma em campo alicerçou um crescimento no fantasy game: 3º lugar do mês.

- Também tenho vários troféus, na última rodada ganhei o 'Pede a Música' comigo mesmo, porque fiz três gols e estava no meu time. Ganhei o troféu do jogo mil do Rogério Ceni também - enumera, orgulhoso.

André Lima está sempre atento às mudanças nos times (Foto: Bruno Junqueira/Trato.Txt)

  André Lima tem várias dicas. A principal está no equilíbrio entre prospectar bons pontuadores e também aumentar os recursos disponíveis para contratações.

- Eu vou pela lógica, sem receber informações privilegiadas. Vou montando o time, mudo o esquema conforme o jogo. Para ganhar dinheiro tem que ir nos jogadores em vermelho no preço. Quanto maior a queda deles, mais dinheiro eles vão render na próxima rodada. Cheguei a ter mais de 200 cartoletas, aí fiquei dosando, agora estou com 195 - revelou o estrategista.

Após jogos noturnos, André Lima tem dificuldade para dormir. O sono vence a agitação quando a madrugada aproxima-se da despedida. Neste momento de desaceleração do corpo e da mente, ele corre para o notebook e já elabora a escalação da próxima rodada:

- Acabou o jogo, no início da madrugada eu já vou direto fazer o time, porque o sono demora muito para chegar. Se o jogo é de dia é mais fácil dormir. Eu monto um time base, e deixo duas ou três dúvidas. No dia que abre a rodada vou lá um pouco antes de fechar o mercado entro de novo para revisar, ver se não tem ninguém fora...e confirmo a escalação. (...) Como estou fora deste jogo (suspenso, não enfrentou o Bahia nesta quinta) fiquei ligado na rodada, vendo os jogos de quarta, para saber tudo o que estava acontecendo.

Guerreiro Imortal 'pediu música' na rodada anterior

(Foto: Lucas Uebel / Agência Estado)

  Em 14 jogos, a média de André Lima é de 3,27 pontos. Mas a boa fase é recente, e só na última rodada foram 22,70. Os pontos positivos para ele no Cartola são os gols (5 no total), as finalizações (18; 9 defendidas e 9 para fora) e as faltas sofridas (36). Quando perde pontos, geralmente é por erros de passes (33), faltas cometidas (24), impedimentos (6) ou cartões amarelos (3). Para escalá-lo, são necessárias 15.30 cartoletas. - A gente nem pensa nestes pontos lá dentro. É uma brincadeira nossa, interna, mas acima de tudo estão o profissionalismo e os interesses do Grêmio. Sempre jogando no limite - afirmou o 'Guerreiro Imortal'.

Outro motivo de alegria para André Lima, ainda consequência da atuação no final de semana anterior, foi a conquista do troféu de melhor da rodada no troféu Armando Nogueira, com os 9 pontos recebidos. A média do centroavante é de 5,44.

- Gosto disso, de ganhar prêmio, de ser reconhecido. Graças a Deus fui bem nesta rodada, tomara que venham outros. Sempre quero mais - concluiu.          

veja também