MENU

Andrés diz que Corinthians não vai entregar para o Flamengo

Andrés diz que Corinthians não vai entregar para o Flamengo

Atualizado: Terça-feira, 24 Novembro de 2009 as 12

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, cobrou seriedade dos jogadores para o duelo diante do Flamengo, neste domingo, em Campinas, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. O dirigente não quer saber da possibilidade de ''entregar a partida'' para prejudicar os rivais São Paulo e Palmeiras, que duelam pelo título com o rubro-negro carioca e o Internacional.

''Jamais vamos entregar o jogo para o Flamengo'', garantiu André Sanchez em rápida coletiva durante o lançamento da nova bola do Campeonato Paulista 2010. ''Quem for campeão será campeão por merecer. Se tiver de ser o Flamengo, será. O Corinthians não vai facilitar. Isso não existe no nosso clube'', completou.

O Flamengo está em segundo lugar na tabela, com 61 pontos. O São Paulo, que joga fora de casa diante do Goiás, tem 62 e lidera a competição. O Palmeiras, que está em quarto com 59, recebe o Atlético-MG no Palestra Itália. Já o Internacional, terceiro com 59, vai até a Ilha do Retiro para duelar com o já rebaixado Sport Recife.

Cabeça em 2010

O Corinthians não tem muitas pretensões no Campeonato Brasileiro. A meta, agora, é montar o time do ano do centenário. Sobre reforços, Andrés não quis fazer muitos comentários. O clube tem interesse em quatro atletas: Riquelme, Iarley, Tcheco e Roberto Carlos. ''A imprensa cita uma lista com dezenas de jogadores. Só posso dizer que alguns deles virão e que teremos um time forte.''

A principal meta do Corinthians é a conquista da Copa Libertadores. E Riquelme seria a principal aposta de Andrés para 2010. ''Nós nunca procuramos o Riquelme para iniciar uma negociação. O que existe é um grupo de empresários que quer emprestar o atleta para a gente. Nós não participamos desta negociação''.

No primeiro semestre de 2010, o Corinthians terá a disputa do Paulistão e da Libertadores. Andrés afirmou que o clube não utilizará o Estadual como preparação para o torneio sul-americano. ''O torcedor corintiano quer sempre ganhar tudo. Vamos entrar no Paulistão para ganhar. Teremos um time forte para isso''.

veja também