MENU

Andrés: 'Nosso patrocinador quer o Ronaldinho no Corinthians'

Andrés: 'Nosso patrocinador quer o Ronaldinho no Corinthians'

Atualizado: Segunda-feira, 10 Janeiro de 2011 as 4:31

Na semana passada, quando anunciou que tem R$ 1,8 milhão por mês para contratar Ronaldinho Gaúcho, o presidente do Corinthians, Andrés Sanches, colocou ainda mais lenha na fogueira da novela que virou o retorno do craque ao Brasil. Só que o mandatário alvinegro continua arredio quando toca no assunto.

- Tem que perguntar para a Patrícia (Amorim, presidente do Flamengo), não para mim. A oferta do Corinthians está feita. Falei publicamente isso – disse Andrés ao GLOBOESPORTE.COM, antes de entrar na Federação Paulista de Futebol para um evento com o presidente da entidade, Marco Pólo Del Nero.

Sanches citou o Flamengo, porque no fim de semana o vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, declarou que Ronaldinho tem 99,99% de chances de acertar com o clube carioca. Mas até agora nada de oficial foi anunciado. Até porque Assis, irmão e empresário do Gaúcho, parece ter ficado seduzido com a oferta alvinegra.

O que emperra, porém, é a negociação com o clube rossonero, que não aceita liberar Ronaldinho de graça. Quer dinheiro pela rescisão antes do fim do contrato, que vai até o meio do ano. E isso o Flamengo já alinhou com o Milan.

- Eu não vou pagar nada ao Milan. O Assis e o Ronaldinho que se virem – falou.

Apesar da postura arredia, Andrés Sanches não ficou em cima do muro ao bancar mais uma vez a oferta de R$ 1,8 milhão. Falou até que Ronaldinho Gaúcho pode ganhar até mais dependendo do seu rendimento. Só não quis dar mais detalhes do projeto, por tratá-lo como sigiloso e de interesse do principal patrocinador do clube.

- Nosso patrocinador quer o Ronaldinho Gaúcho no Corinthians. Já temos o plano, o projeto, mas é coisa nossa. Não vou falar mais nada. Se ele e Assis quiserem que nos procure. A oferta é essa e pode até ser mais dependendo do rendimento do jogador – explicou Andrés Sanches.

O presidente corintiano negou que o atacante Ronaldo, com sua empresa Nine, esteja junto nessa negociação. Mas é fato que o Fenômeno teve conversas recentemente com Assis e também com Ronaldinho. Até por isso postou em sua página oficial no Twitter detalhes que foram divulgados depois em coletiva.

- Isso é mentira, mentira, mentira. A única empresa envolvida é Hypermarcas, Hypermarcas e Hypermarcas – disse Andrés, referindo-se à patrocinadora.

Embora tenha o projeto pronto e o dinheiro para contratar Ronaldinho Gaúcho, o Corinthians sabe que o fato de não querer pagar nada ao Milan é um empecilho. Mas o pensamento do clube alvinegro é de certa forma coerente.

- Não tenho motivo para pagar um fortuna pela liberação de um jogador que daqui seis meses estará livre – finalizou o mandatário alvinegro.

Faz sentido...

Por: Leandro Canônico

veja também