MENU

Ao estilo europeu: Grêmio apresenta Marcelo Moreno no Estádio Olímpico

Ao estilo europeu: Grêmio apresenta Marcelo Moreno no Estádio Olímpico

Atualizado: Terça-feira, 20 Dezembro de 2011 as 12:55

No final da manhã desta terça-feira o Grêmio apresentou um de seus principais reforços para a próxima temporada. O atacante Marcelo Moreno, ex-Shakhtar Donetsk, vestiu a camisa 9 em evento que lembrou o futebol europeu: o jogador boliviano subiu ao palco armado na pista atlética do Estádio Olímpico, acenou e discursou para torcedores, e foi recepcionado com fogos de artifício.

Marcelo Moreno veste a camisa do Grêmio no Olímpico (Foto: Eduardo Cecconi/Globoesporte.com)   Ao lado do presidente Paulo Odone, logo depois da apresentação ele rumou à sala de conferências, onde concedeu entrevista coletiva. A visita programada às obras da Arena foi adiada, porque Moreno precisa viajar ainda nesta terça à Bolívia. Mas ele teve tempo ainda de autografar camisas de torcedores na loja oficial do clube antes de partir.

Torcedores compareceram para incentivar Moreno (Foto: Eduardo Cecconi/Globoesporte.com)   - Estou muito feliz com essa oportunidade, de jogar em um time grande. O Grêmio é muito conhecido na Europa - disse, para efusiva saudação dos aproximadamente 500 torcedores presentes.

Desde 2007 na Europa, Marcelo Moreno volta ao país onde se destacou pelo Cruzeiro. Embora boliviano, ele tem dupla nacionalidade - pai brasileiro - portanto não conta como estrangeiro no elenco tricolor.

- O que mais me motivou foi a torcida. Antes de jogar pelo Cruzeiro já tinha esse carinho pela torcida do Grêmio, com a avalanche. E o projeto apresentado pelos dirigentes, com contratações importantes, me fez optar pelo Brasil e em um clube que impõe respeito como o Grêmio.

O Grêmio adquiriu 70% dos direitos do jogador, pagando quatro milhões de euros em parcelas durante dois anos, e cedendo 15% dos direitos de Douglas Costa ao clube ucraniano.     Marcelo Moreno, na sessão de autógrafos com torcedores (Foto: Eduardo Cecconi/Globoesporte.com)        

veja também