MENU

Após empate no Rio, Avaí e Vasco fazem duelo final por vaga na decisão

Após empate no Rio, Avaí e Vasco fazem duelo final por vaga na decisão

Atualizado: Quarta-feira, 25 Maio de 2011 as 9:36

Avaí e Vasco decidem seus futuros na Copa do Brasil nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), na Ressacada, em Florianópolis. Depois do 1 a 1 em São Januário, as equipes vão com tudo para conseguir um resultado que seja suficiente para a classificação para a final da competição. Por ter marcado fora de casa, o time catarinense pode até ficar no 0 a 0 que se

classifica. Para o Gigante da Colina será necessário vencer ou conseguir uma igualdade por dois ou mais gols.

  Diante da importância da partida, os dois treinadores decidiram não utilizar a força máxima no último fim de semana, na estreia no Campeonato Brasileiro. Os cruz-maltinos se deram bem, já que venceram o Ceará por 3 a 1, em Fortaleza. Já o Avaí foi goleado por 4 a 0 pelo Flamengo, em Macaé.

Quem passar por este duelo enfrentará a equipe que avançar no confronto Coritiba x Ceará. No jogo de ida, no estádio Presidente Vargas, o placar terminou em 0 a 0. Nesta quarta, a partida será no Couto Pereira.

A Rede Globo transmite Avaí x Vasco ao vivo para os estados de SC, RJ, ES, SE, AL, PB, RN, PI, AM, AP, AC, RR, RO e DF, além das cidades de Balsas-MA, Santarém-PA e Juiz de Fora-MG. O SporTV também fará transmissão. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos.

  Avaí: o clube luta para chegar pela primeira vez a uma final de Copa do Brasil e para ser o terceiro catarinense a alcançar esta etapa da competição nacional: as outras foram o Criciúma, campeão em 1991, e o Figueirense, vice em 2007. Até hoje, o Avaí só havia chegado às oitavas de final. Por isso, o sonho é de levantar voos ainda maiores.

Vasco : para o Vasco, a partida pode significar a continuação ou o fim do sonho de encerrar um jejum de títulos na Primeira Divisão que dura desde 2003. O time já chegou à final da competição uma vez, em 2006, mas foi derrotado pelo Flamengo.

Avaí: com um corte no pé, o atacante William é dúvida para a partida, mas a confiança no clube é grande para que o artilheiro da competição com cinco gols entre em campo. O zagueiro Bruno e o atacante Rafael Coelho estão suspensos e desfalcam o time, assim como o volante Diogo Orlando, machucado. A escalação provável: Renan, Cássio, Revson e Gustavo Bastos; Felipe, Acleisson, Marcinho Guerreiro, Marquinhos e Julinho; Marquinhos Gabriel e William (Fábio Santos).

Vasco : o técnico Ricardo Gomes confirmou Anderson Martins e Romulo na equipe. O restante deve ser a base da equipe que jogou nas últimas partidas. A principal dúvida é na lateral direita. Allan e Fagner disputam posição. Apesar da boa fase e dos dois gols que marcou contra o Ceará, na estreia no Brasileiro, Bernardo não tem vaga garantida. A provável escalação é: Fernando Prass, Fagner (Allan), Dedé, Anderson Martins e Ramon; Eduardo Costa, Romulo, Felipe e Diego Souza; Eder Luis e Alecsandro.

Avaí: autor do gol do Avaí no jogo de ida da semifinal da Copa do Brasil, contra o Vasco, em São Januário, o lateral-esquerdo Julinho é um jogador talentoso e o destaque do time na temporada, tanto que foi o único integrante do Avaí na seleção do Campeonato Catarinense.

Vasco: principal esperança de gol da equipe, Alecsandro espera repetir o que fez contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, quando marcou um dos gols no empate por 2 a 2. Em dez jogos com a camisa cruz-maltina, o camisa 9 marcou cinco gols.

Silas (técnico do Avaí): "Está tudo preparado. É o jogo do ano. Ganhamos do São Paulo e empatamos lá no Rio porque houve muita entrega, muita luta. São Januário é um caldeirão, e nós superamos. Vamos contar com o apoio da torcida para fazer o mesmo agora. Está aberto. Temos uma vantagem pequena e o Vasco é uma grande equipe. Todo cuidado é pouco".

  Felipe (meia do Vasco): "Será o segundo tempo do duelo. Sabemos da dificuldade, mas temos condição de chegar lá e vencer. Vamos em busca da classificação. A Copa do Brasil é um pouco diferente. Em casa, tem que ganhar. Mas também existe o medo de levar o gol. Acredito que o Avaí terá esta preocupação. Estamos fazendo bons jogos fora de casa".

* Decidir a vaga para as finais da Copa do Brasil em casa representa uma pequena vantagem. Nas 22 edições anteriores, o time que teve o mando de campo na segunda partida se classificou em 23 oportunidades, com os visitantes levando a melhor 19 vezes. Por duas vezes, não houve mando de campo: quando o Corinthians passou pelo São Paulo em 2002, e quando o Vasco eliminou o Fluminense em 2006.

* O triunfo sobre o Fluminense em 2006 (com placares de 1 a 0 e 1 a 1) foi o único do Vasco nas oito semifinais que disputou na história da Copa do Brasil.  Os carrascos foram Cruzeiro (em 1993 e 1998), Corinthians (em 1995 e 2009), Grêmio (em 1994) e Sport (2008).

* Ao longo da história, o Avaí conseguiu apenas duas vitórias sobre o Vasco, ambas em Florianópolis: 1 a 0 (em 1973) em partida amistosa e 2 a 0 pelo Campeonato Brasileiro de 2010.

* O Vasco não perde desde o dia 4 de março, quando o Macaé fez 3 a 1 pela primeira rodada da Taça Rio. São 17 partidas de invencibilidade, com nove vitórias e oito empates.

Na quarta-feira passada, Vasco e Avaí empataram por 1 a 1 em São Januário, pela primeira partida da semifinal da Copa do Brasil 2011. A equipe carioca dominou a maior parte do jogo, mas pecou nas finalizações. O Leão não perdoou a ineficiência do ataque cruz-maltino e abriu o placar na segunda etapa, com o lateral-esquerdo Julinho. Porém, com muito sofrimento, o Vasco buscou o empate. No minuto final da partida, Elton foi derrubado na área. Diego Souza cobrou com força e deixou tudo igual, renovando as esperanças dos vascaínos.          

veja também