MENU

Após garotos brilharem, veteranos assumem comando do Santos

Após garotos brilharem, veteranos assumem comando do Santos

Atualizado: Segunda-feira, 27 Setembro de 2010 as 4:13

No primeiro semestre deste ano, a badalação em cima do Santos foi praticamente motivada pelo sucesso dos garotos. Com um futebol rápido e encantador, Neymar, Ganso, André e Robinho, que não é mais garoto, mas reencarnou o espírito de “menino da Vila” em sua volta ao clube, levaram o Peixe aos títulos do Paulista e da Copa do Brasil. Na segunda metade do ano, a importância dos jogadores mais experientes do elenco ficou evidente. A contusão de Ganso, as saídas de André, Robinho, e as polêmicas de Neymar colocaram nos holofotes nomes como Edu Dracena e Marcel, por exemplo.

- Procuramos auxiliar os mais jovens. Pelo que já passamos no futebol, podemos ajudá-los. Mas sempre acontecem coisas novas. Então também aprendemos nessas situações. Sentamos e conversamos, o grupo está mais maduro. O Santos provou que tem um elenco forte e unido para sair de algumas situações e seguir no caminho das vitórias - disse o capitão Edu Dracena, de 29 anos.

A confusão envolvendo Neymar, que culminou na demissão do técnico Dorival Júnior, ainda reflete no grupo. No entanto, a experiência desses atletas nas conversas internas foi fundamental para acalmar a situação. Marcel, de 28 anos, está se firmando como titular na Vila Belmiro. E não apenas fora de campo. Dentro das quatro linhas, o atacante tem cumprido papel importante. É o vice-artilheiro do Peixe no Brasileirão, com sete gols. Neymar tem oito.

- Acho que essa mescla de jogadores mais experientes com jovens é interessante. Não importa quem vai decidir o jogo, o que importa é o time vencer - completou Marcel.

veja também