MENU

Após herdar bronze por 20 minutos, colombiano diz não merecer medalha

Após herdar bronze por 20 minutos, colombiano diz não merecer medalha

Atualizado: Terça-feira, 18 Outubro de 2011 as 8:19

Por vinte minutos, o colombiano Omar Pinzon sentiu o gostinho de ganhar a medalha de bronze nos 200m borboleta dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara. Com a desclassificação de Leonardo de Deus, o nadador que terminou a prova em quarto lugar chegou a herdar a premiação. A organização do evento, porém, voltou atrás e coroou o brasileiro. Mesmo fora do pódio, Pinzon concordou com a decisão e disse “não merecer” o bronze.

Pinzon foi medalhista pan-americano por apenas 20 minutos Colômbia (Foto: Reuters)       - Não foi uma decepção. Ele mereceu essa medalha. Eu não fui melhor dentro d’água. Ele foi melhor na piscina. Estou de acordo com a decisão, eu não merecia ganhar essa medalha de bronze se os três foram melhores – disse Pinzon.

Enquanto técnicos, dirigentes e organizadores da competição discutiam o caso, uma nova fila de atletas para o pódio foi formada. O colombiano vestiu o uniforme e se posicionou para receber a medalha de bronze. Mas, cerca de 20 minutos depois, foi avisado de que havia voltado para a quarta colocação.

O americano Daniel Madwed que, consequentemente, havia herdado o ouro de Leo de Deus, também teve de se conformar com a prata. Assim como o colombiano, ele afirmou que não gostaria de vencer a prova nessas circunstâncias.

Feliz, e enfim com a medalha de ouro no peito, Leo de Deus comemorou a conquista e elogiou a postura de suas colegas de prova.

- Nenhum atleta gosta de ganhar dessa maneira. Fico feliz em saber que os próprios atletas reconheceram isso.        

veja também