MENU

Artilheiros falham e Copa vê poucos gols na primeira rodada

Artilheiros falham e Copa vê poucos gols na primeira rodada

Atualizado: Quarta-feira, 16 Junho de 2010 as 4:01

Cristiano Ronaldo, Luís Fabiano, Messi, Robinho, Drogba, Eto'o, Forlan, Higuaín, Milito, Torres.

É extensa a lista de atacante de primeiro escalão, candidatos a serem artilheiros da Copa, que passaram em branco na primeira partida disputada neste Mundial.

O resultado é que a primeira rodada da Copa da África do Sul terminou com poucos gols (apenas 24, a pior média da história) e nenhum jogador conseguiu marcar mais de uma vez.

Entre os prováveis goleadores da Copa, Klose foi exceção. O alemão, artilheiro do último Mundial, marcou um gol na vitória sobre a Austrália por 4 a 0. No Mundial de 2006, o atacante estreou com dois gols frente a Costa Rica e terminou o torneio como artilheiro isolado (como cinco tentos).

Klose começou a Copa de 2010 à frente na briga com seus principais concorrentes pela chuteira de ouro. Aliás, a Alemanha é a única seleção que venceu com mais folga seu primeiro desafio, e foi com seus atacantes que chegou aos 4 a 0 (Klose, Podolsky, Müller e Cacau) sobre a Austrália.

Já as outras favoritas ao título foram salvas por zagueiros ou meiocampistas. A Argentina venceu a Nigéria com gol do zagueiro Heinze. Contra a Coreia do Norte, o Brasi foi salvo pelo lateral Maicon e pelo volante Elano. Foi um volante quem evitou a derrota da Itália (De Rossi) frente ao Paraguai. A Inglaterra também precisou de um meia (Gerrard) para empatar com os Estados Unidos. Espanha, que perdeu para a Suiça, e França, que empatou com o Uruguai, não marcaram gols.

Rodada dos empates

Nos 16 jogos disputados na primeira fase, seis terminaram em empate. Maior média (37,5%) desde 1994, quando a Copa começou a ser disputada por 32 seleções. O Campeonato Brasileiro deste ano, por exemplo, teve dois empates em sua primeira rodada, o que dá uma média de 20%.

veja também