MENU

Assistente confirma conversa com Obina, que teria admitido falta em Maicon

Assistente confirma conversa com Obina, que teria admitido falta em Maicon

Atualizado: Terça-feira, 10 Novembro de 2009 as 12

A polêmica sobre a anulação do gol de Obina no jogo de domingo entre Fluminense e Palmeiras continua. O assistente Marcelo Bertanha Barison confirmou a versão do árbitro Carlos Eugênio Simon, que afirmou que o atacante palmeirense admitiu para os auxilares da partida  ter cometido falta em Maicon na jogada que originou o gol anulado.

''Houve a conversa. Se você for ver, o Palmeiras voltou primeiro do intervalo. Nós já estávamos no campo, e o Obina se dirigiu até a gente e comentou: 'Pô, Simon, você foi mal ali'. Aí o Simon respondeu que ele tinha puxado o jogador do Fluminense. E o Obina comentou: 'Puxei e ele me agarrou, mas ninguém marca isso'', disse o auxiliar com exclusividade ao GLOBOESPORTE.COM.

Responsável pelo lado para o qual o Palmeiras atacou no primeiro tempo, o assistente afirmou que não conseguiu ver o lance com clareza.

''Tinha muita gente na minha frente. Minha visão estava encoberta''.

Em entrevista ao jornal ''Zero Hora'', Simon afirmou que Obina havia reconhecido aos seus auxiliares ter feito falta no atacante tricolor  Maicon.

Nesta terça-feira, em conversas no Centro de Treinamento do Palmeiras, o jogador negou ter admitido a irregularidade. E o presidente do clube, Luiz Gonzaga Belluzzo voltou a atacar Simon, dizendo que o juiz estava falando ''cascata'' e que o jogador ''não poderia admitir algo que não fez''.

O Palmeiras deverá divulgar ainda hoje uma nota sobre o caso.

veja também