MENU

Atlético-GO aproveita semana sem jogos para aprimorar a pontaria

Atlético-GO aproveita semana sem jogos para aprimorar a pontaria

Atualizado: Quarta-feira, 9 Fevereiro de 2011 as 3:48

Na primeira chance em que teve mais tempo para trabalhar sua equipe, já que não há rodada do Campeonato Goiano neste meio de semana, René Simões decidiu afinar a pontaria de seus jogadores. E engana-se quem pensa que o motivo é o mau aproveitamento das oportunidades de gol: o Dragão já marcou 15 vezes e tem, ao lado do Crac, o ataque mais positivo da competição. A ideia de René Simões é melhorar o que já está bom.

Após dois dias de folga, o elenco se reapresentou na terça-feira e aproveitou o dia para aprimorar os chutes. Foram cerca de duas horas de treino forte, e um dos trabalhos mais intensos (transição entre defesa e ataque) envolvia finalizações.

Esse tipo de movimentação vem surtindo efeito, sobretudo no que se refere às jogadas de bola aérea, tanto no ataque, quanto na defesa. Se, em 2010, o aproveitamento nas bolas alçadas foi aquém do esperado, neste ano, quatro gols feitos no Goianão foram de cabeça.

- Uma das nossas obrigações é trabalhar a cabeça. Um jogador de 1,90m tem de trabalhar os cabeceios. E vem melhorando, tanto que Marcão (duas vezes), Gilson e Paulo Henrique marcaram gols no estadual - ponderou René Simões.

O treinador, que terá todo o elenco à disposição para o jogo de domingo, contra o próprio Crac, em Catalão, revelou que estava ansioso para voltar a comandar o time. René retornou aos trabalhos após passar por uma cirurgia para retirar um tumor benigno na próstata. Quando estava em recuperação, ele mantinha contato com o auxiliar, Alfredo Montesso, mas ainda não tinha ido a campo.

- Já estava em atividade, só não dava treino. Estava com saudade - comentou o técnico, que se reuniu com os jogadores antes do treino e deu um sermão. - Reclamei muito com o time. Depois de sete meses, continuamos cometendo os mesmos erros. Não podemos perder o equilíbrio por causa de um erro do árbitro. Aos 46 minutos do primeiro tempo, não se pode perder a bola como perdemos contra o Vila, não se pode fazer uma falta desnecessária, deixar o adversário bater rápido e fazer o pênalti como fizemos.

Na ocasião, o Atlético-GO venceu o Vila Nova, por 2 a 1. O time lidera o estadual, com 18 pontos em sete partidas.    

veja também