MENU

Balotelli e De Rossi ficam fora da seleção por lances violentos

Balotelli e De Rossi ficam fora da seleção por lances violentos

Atualizado: Domingo, 20 Março de 2011 as 4:20

O atacante Balotelli, do Manchester City, e o meia De Rossi, do Roma, estão fora da seleção italiana para os confrontos com Eslovênia e Ucrânia, dias 25 e 29 deste mês. Os dois não foram convocados pelo técnico Cesare Prandelli por terem protagonizados lances violentos recentemente por seus clubes. O volante brasileiro Thiago Motta, do Inter de Milão, está na lista.

Balotelli foi expulso aos 36 minutos do primeiro tempo na derrota para o Dínamo de Kiev, pela Liga Europa, após dar uma entrada violenta com a sola da chuteira em Popov. Já De Rossi acertou uma  cotovelada em Srna, do Shakhtar Donetsk na Liga dos Campeões e não recebeu nem cartão. Porém, a Uefa acabou punindo o meia do Roma com três partidas de suspensão.

O volante brasileiro Thiago Motta, do Inter de Milão, volta a ser chamado por Prandelli após ter se naturalizado italiano. A novidade da convocação é o meia Marco Parolo, do Cesena.

A Itália encara a Eslovênia na próxima sexta, dia 25, em Ljubliana, pela quinta rodada do Grupo C das eliminatórias da Eurocopa de 2012. A Azzurra lidera a chave com dez pontos, enquanto a Eslovênia está em segundo com sete. No dia 29, a seleção de Prandelli volta a campo para enfrentar a Ucrânia em amistoso em Kiev.

Confira os 25 convocados:

Goleiros

Buffon (Juventus), Sirigu (Palermo) e Viviano (Bologna)

Defensores

Astori (Cagliari), Balzaretti (Palermo), Bonucci (Juventus), Chiellini (Juventus), Criscito (Genoa), Gastaldello (Sampdoria), Maggio (Napoli), Ranocchia (Inter) e Santon (Cesena)

Meio-campistas

Aquilani (Juventus), Marchisio (Juventus), Mauri (Lazio), Montolivo (Fiorentina), Thiago Motta (Inter), Nocerino (Palermo) e Parolo (Cesena)

Atacantes

Cassano (Milan), Gilardino (Fiorentina), Giovinco (Parma), Matri (Juventus), Pazzini (Inter) e Rossi (Villarreal)

veja também