MENU

Bellucci não resiste a Ferrer, leva pneu e se despede do ATP 500 de Barcelona

Bellucci não resiste a Ferrer, leva pneu e se despede do ATP 500 de Barcelona

Atualizado: Sexta-feira, 23 Abril de 2010 as 12

Thomaz Bellucci não teve tênis para derrotar o número 17 do mundo, David Ferrer, nesta sexta-feira, e acabou eliminado do ATP 500 de Barcelona. O espanhol controlou a partida desde a segunda metade do primeiro set e ainda aplicou um pneu para fechar o jogo. O triunfo por 6/4 e 6/0 garantiu a Ferrer uma vaga nas semifinais do torneio.

Número 1 do Brasil e atual 33 do mundo, Bellucci deixa o evento espanhol com a melhor campanha de sua carreira em um torneio da série ATP 500. Com os pontos que somou nesta semana, o paulista deve aparecer na 29º posição no ranking que será divulgado na próxima semana.

A subida deixará Bellucci mais perto de ser um dos 32 cabeças de chave em Roland Garros, que começa no dia 24 de maio. Bellucci ocupou o top 30 em fevereiro deste ano, logo depois que conquistou o título do ATP de Santiago, no Chile, e subiu para 28º. Na semana seguinte, porém, ele não defendeu seu vice-campeonato no Brasil Open e caiu para 32º.

Começo animador

Bellucci começou bem a partida, equilibrando as trocas de bola e ameaçando o serviço de Ferrer. Em seus dois primeiros games de saque, o espanhol teve de salvar quatro break points. O brasileiro não aproveitou e pagou caro por isso. No quinto game, foi a vez de Ferrer ter duas chances de quebra. Na primeira, o espanhol errou uma devolução de segundo saque, mas na segunda ele dominou o ponto, forçou um erro de Bellucci e conseguiu a quebra.

Com a vantagem no placar, o número 17 do mundo ganhou confiança e passou a controlar a maioria dos pontos. Errando menos, Ferrer não cedeu mais chances de quebra e teve três set points no nono game, no saque de Bellucci. O brasileiro se salvou, mas o espanhol foi sólido no game seguinte e fechou a parcial.

O começou do segundo set foi igualmente desanimador para o número 1 do Brasil, que abriu com uma dupla falta e cometeu uma série de erros para ceder a quebra ao adversário. Bellucci jamais se recuperou e não voltou sequer a equilibrar o jogo. A parcial foi um passeio de Ferrer, que seguiu dominando e não abriu a janela para uma reação do brasileiro. O resultado foi um pneu (6/0) para colocar o espanhol nas semifinais.

Na próxima fase, Ferrer vai enfrentar o compatriota Fernando Verdasco, que passou pelo letão Ernests Gulbis por 6/2 e 7/6(4).

veja também