MENU

Bellucci vence Berdych e atinge semifinal inédita de torneios Masters

Bellucci vence Berdych e atinge semifinal inédita de torneios Masters

Atualizado: Sexta-feira, 6 Maio de 2011 as 10:28

O brasileiro Thomaz Bellucci confirmou a ótima fase que vive sob a batuta do técnico Larri Passos e conseguiu mais uma vitória inédita na carreira. Na fase quartas de final do Masters 1000 de Madri, ele venceu o tcheco Tomas Berdych, sétimo melhor do mundo, por 2 sets a 0 em parciais de 7/6 (1) e 6/3, após uma hora e 33 minutos de partida, avançando à semifinal de um Masters pela primeira vez na carreira.

O jovem tenista de 23 anos de idade já havia conseguido se superar ao vencer o quarto melhor do mundo, Andy Murray, nas oitavas de final por 2 a 0 (6/4 e 6/3). Agora, nesta sexta-feira, ele teve alguma dificuldade no primeiro set, mas deslanchou na segunda parcial e confirmou sua passagem à semifinal.

No primeiro set, os dois tenistas se estudaram muito e tiveram desempenho bastante parecido. Um tanto defensivos, mas também eficientes, ambos confirmaram todos os seus serviços desta parcial e, com seis games a seis, levaram a disputa para o tie-break. Nela, Bellucci mostrou força e chegou a fazer 4 a 0. Em seguida, perdeu dois pontos, mas fechou a primeira parcial em 7/2.

No segundo set, a mesma igualdade persistiu e os dois jogadores continuaram a confirmar seus saques sem ao menos dar chances concretas de quebra de saque. Pelo menos até o oitavo game, quando o placar apontava 4 a 3 para Bellucci, e o brasileiro conseguiu a primeira - e providencial quebra para fazer 5/3.

Com força, Bellucci não deu chances para o tenista tcheco e confirmou seu saque no triplo match point, fazendo 6/3 e vencendo o jogo por 2 sets a 0, avançando para a fase semifinal - onde poderá enfrentar Novak Djokovic, segundo melhor do mundo, ou David Ferrer, o sexto.

É a primeira vez que o brasileiro atinge a semifinal de um torneio da série Masters, bem como a primeira ocasião em que ele vence dois tenistas do Top 10 em um mesmo torneio. Antes, ele havia vencido o espanhol Fernando Verdasco, então número 9 do mundo, no torneio de Acapulco.

veja também