MENU

Benzema desencanta e decide vitória suada do Real. Kaká sai no intervalo

Benzema desencanta e decide vitória suada do Real. Kaká sai no intervalo

Atualizado: Segunda-feira, 24 Janeiro de 2011 as 10:17

Benzema estava com fome de gol. Não só por não marcar pelo Campeonato Espanhol desde setembro, mas por ver seu nome contestado em todos os jornais e programas de TV esportivos. Tamanha vontade de balançar as redes pôde ser vista em algumas oportunidades neste domingo, contra o Mallorca, no Santiago Bernabéu, pela 20ª rodada e estreia do returno. Não importava se a jogada já não valia mais por impedimento ou outra irregularidade: lá estava ele chutando a gol. Uma dessas conclusões valeu, e o atacante francês, quem diria, acabou como herói da vitória suada por 1 a 0.

O gol aos 15 minutos do segundo tempo foi o segundo de Benzema na competição, em tento que o igualou ao zagueiro Ricardo Carvalho na tabela de artilharia. Ele marcou justamente no momento em que a equipe de José Mourinho era melhor e atacava com certa frequência. No primeiro tempo, no entanto, o que se viu foi um time com dificuldades para atacar e dando espaços aos visitantes, que até acertaram a trave, com Nsue, aos 13 minutos.

Talvez por conta das mudanças do treinador português, que surpreendeu ao deixar Xabi Alonso e Özil no banco de reservas e pôs Kaká como titular. As novidades em relação ao time que derrotou o Atlético de Madri, na última quinta-feira, pela Copa do Rei, não surtiram efeito, e o brasileiro acabou substituído no intervalo para a entrada do meia alemão.

O resultado mantém os merengues na perseguição ao Barcelona, agora com 51 pontos - os catalães somam 55. O Mallorca, que já havia arrancado pontos do Real na primeira rodada em um empate por 0 a 0, permanece com 27 pontos, na nona colocação.

Atlético de Madri decepciona; Villarreal vence com dois de Rossi

Mais cedo, também neste domingo, o Atlético de Madri voltou a decepcionar. A equipe do volante brasileiro Elias, ex-Corinthians, jogou muito aquém do que pode e foi derrotada pelo Sporting Gijón, por 1 a 0, fora de casa.

Com os mesmos 30 pontos, a diferença para a Liga dos Campeões é de exatos dez pontos, graças à vitória do Villarreal sobre o Real Sociedad, em casa, por 2 a 1. O italiano Giuseppe Rossi fez os dois do do Submarino Amarelo, que subiu para terceiro, com 42 pontos, deixando o Valencia na quarta colocação. O Espanyol é o quinto, com 37.  

veja também