MENU

Berdych dá trabalho, mas Djokovic se mantém invicto em 2011 e vai à final

Berdych dá trabalho, mas Djokovic se mantém invicto em 2011 e vai à final

Atualizado: Sexta-feira, 25 Fevereiro de 2011 as 10:55

A invencibilidade de Novak Djokovic esteve à prova nesta sexta-feira. O tcheco Tomas Berdych entrou em quadra inspirado e, de cara, venceu o primeiro set. O número 3 do mundo, no entanto, se recuperou, mostrou força e garantiu vaga na final do ATP 500 de Dubai,nos Emirados Árabes. O sérvio vencia a partida por 6/7 (5), 6/2 e 4/2 no terceiro set quando o rival desistiu, com cãibras na coxa esquerda.

Agora, Djokovic já tem 14 partidas invictas no ano. Na decisão, espera pelo vencedor do confronto entre o suíço Roger Federer e o francês Richard Gasquet, ainda nesta sexta-feira.

Berdych entrou em quadra disposto a dar trabalho. Diante do número 3 do mundo, o tcheco não se intimidou e teve as únicas duas chances de quebras do primeiro set, evitadas pelo sérvio. Ainda assim, conseguiu fechar a parcial em 7/6 (5).

Djokovic voltou mais atento no segundo set. Forçando mais o seu jogo, o sérvio foi para cima de Berdych, que recuou. No quarto game, o top 3 conseguiu sua primeira quebra, abrindo 3/1. Conseguiu evitar a devolução na sequência, mas desperdiçou nova chance de quebra logo em seguida. Não teve problema. Voltou a quebrar o serviço rival no último game e fechou em 6/2.

Com cãibras na coxa esquerda, Berdych pediu atendimento antes do terceiro set. Cansado, o tcheco só resistiu até o quinto game. Depois, Djokovic conseguiu mais uma quebra, abriu 4/2 e, em seguida, viu o rival desistir da partida. Apesar do esforço do adversário, a vaga na final  estava garantida, assim como a invencibilidade.    

veja também