MENU

Bola no Pato! Atacante vira válvula de escape para os zagueiros

Bola no Pato! Atacante vira válvula de escape para os zagueiros

Atualizado: Sexta-feira, 8 Julho de 2011 as 9:54

Alexandre Pato em ação pela Seleção Brasileira na

estreia contra a Venezuela (Foto: Agência Reuters)

  É só a marcação apertar no meio de campo ou na defesa que a decisão é a mesma: bola para Alexandre Pato. Foi assim na estreia da Seleção Brasileira na Copa América, no último domingo, no empate por 0 a 0 com a Venezuela, em La Plata. Lúcio, Thiago Silva... Marcação cerrada e os zagueiros procuravam o atacante do Milan com um lançamento. E o camisa 9 não fazia feio. Matava a bola acossado pelos rivais e criava lances de perigo para o time canarinho.

O próprio atacante revelou que já havia conversado com os zagueiros da Seleção Brasileira sobre esse tipo de jogada. Com Thiago Silva, o diálogo é mais fácil. Os dois defendem o clube rossonero na Itália. Com Lúcio, o entendimento não foi difícil. Durante o primeiro tempo e parte da etapa final, a receita era: bola no Pato.

- Tinha conversado com o Thiago Silva e com o Lúcio antes mesmo do jogo. Falei com os dois que se eles estivessem apertados na defesa poderiam lançar que eu tentaria segurar a bola na frente, dominar. Como o meu forte é a velocidade, não vi problema em fazer esse tipo de jogada. Combinamos antes do jogo e eles fizeram durante a partida. Fico feliz de ter ajudado a Seleção – afirmou o atacante.

Apesar do bom desempenho nas matadas de bola, Pato passou a estreia em branco. Para o duelo diante do Paraguai, neste sábado, às 16h (de Brasília), em Córdoba, pela segunda rodada da Copa América, o atacante já sabe qual será a sua missão. - O meu papel é ser o centroavante. Estou ali para que a bola chegue e eu possa colocar para dentro do gol. Tenho certeza que contra o Paraguai a atuação já será diferente – disse o jogador.

O confronto entre Brasil e Paraguai será transmitido ao vivo pela TV Globo, Sportv e GLOBOESPORTE.COM. O site também acompanha o duelo no estádio Mário Kempes, em Córdoba, em Tempo Real.          

veja também