MENU

Borges coloca virada sobre o Santos entre os melhores jogos da carreira

Borges coloca virada sobre o Santos entre os melhores jogos da carreira

Atualizado: Quinta-feira, 13 Maio de 2010 as 7:54

O Grêmio não derrotou um time qualquer. Nesta quarta-feira, o Tricolor gaúcho bateu o Santos. Campeão paulista, ataque mais positivo do Brasil (fez 109 gols) e com jogadores brilhantes como Robinho e Paulo Henrique Ganso - Neymar, suspenso, não esteve em campo. No Olímpico, uma vitória por 4 a 3, de virada, que deixa o time de Silas em vantagem para a segunda partida da semifinal da Copa do Brasil, semana que vem, em Santos. Qualquer empate serve para o Grêmio. O Peixe precisa de uma vitória simples (1 a 0) ou por um gol de diferença (até 3 a 2). A repetição do placar de Porto Alegre leva aos pênaltis. A partir de 5 a 4, os gaúchos avançam.

Uma vitória tão espetacular merece destaque. Ainda mais para quem fez três gols e foi decisivo para a construção do resultado. Borges não vai esquecer tão cedo o dia 12 de maio de 2010.

- Fica entre os três melhores jogos da minha carreira. Pelo momento que o Santos vem vivendo, jogando um futebol bonito, de qualidade. Fazer três gols contra uma equipe como essa não é fácil. Estou feliz pela maneira como a equipe se comportou no segundo tempo - frisou.

A vantagem conquistada não ilude. Assim como o técnico Silas, o camisa 9 pede um Grêmio ofensivo na próxima semana, na Vila Belmiro.

- Temos condições de vencer o Santos lá também. São duas grandes equipes do futebol brasileiro. Temos a vantagem, o empate classifica o Grêmio, mas temos de ir para o ataque, pois podemos fazer gols. Fizemos uma ótima partida, relembrando aquela contra o Inter, no Beira-Rio (primeiro jogo da final do Gauchão, vitória por 2 a 0) - lembrou.

Neste domingo, o Grêmio volta a pensar no Brasileirão. O time recebe o Corinthians, no Olímpico, às 16h, pela segunda rodada. Silas deve escalar um time misto.

- O Borges e o Jonas precisavam de descanso. Fizemos bem em descansar os dois na semana passada (contra o Atlético-GO). Vamos descansar, comemorar a vitória e ver como o Mano (Menezes, técnico do Corinthians) vai armar o time dele também - comentou o treinador.

Por Richard Souza

veja também