MENU

Bota vai estudar imagens e pode pedir punição a árbitro e Marquinhos

Bota vai estudar imagens e pode pedir punição a árbitro e Marquinhos

Atualizado: Quinta-feira, 21 Abril de 2011 as 9:18

O Botafogo deixou o campo da Ressacada, nesta quarta-feira, bastante chateado. Mas não foi só por causa da eliminação na Copa do Brasil. A atitude do árbitro Ricardo Marques Ribeiro de não dar um escanteio minutos antes do gol de empate do Avaí foi bastante contestada pelos alvinegros. Além disso, a briga entre Loco Abreu e Marquinhos teria acontecido porque o meia provocou o Glorioso.

Por isso, a diretoria do Botafogo decidiu que, ao chegar ao Rio, nesta quinta-feira, vai analisar com calma as imagens da partida. Caso seja possível, o clube vai pedir punição tanto ao árbitro quanto ao jogador.

– O mais importante é ver as imagens para saber o que pode ser feito. O árbitro não tem direito de errar um lance como aquele. Todo mundo viu que foi escanteio. Em relação ao Marquinhos, não vou falar nada. Ele faltou com o respeito ao Botafogo, mas, mais uma vez, digo que vamos parar para ver o que vamos fazer – disse o gerente de futebol Anderson Barros.

Outra questão que deixou os dirigentes do Botafogo irritados foi a postura do técnico Silas durante a briga entre os jogadores:

- Não dá para entender o que ele fez. No jogo de ida, já tinha ido falar com jogadores do Botafogo. Agora, as pessoas brigando e ele querendo conversar com o Alessandro. O que ele tinha de tão urgente para falar com o Alessandro que não podia esperar?Silas respondeu à reclamação de Anderson com ironia. O treinador do Avaí disse que foi impedido de falar com o lateral.

– Falei pra ele chorar na cama, que lá na cama é lugar quente. Joguei com o Alessandro. O Alessandro é meu amigo, não é relação de técnico e jogador. Eu queria chamar o Alessandro para dar um abraço nele – explicou Silas, na coletiva de imprensa após a partida.

O Botafogo terá um longo tempo de treinamentos agora. Eliminado do Carioca e da Copa do Brasil, o time só volta a campo no Brasileiro. O primeiro jogo será no dia 22 de maio, contra o Palmeiras.   Globo Esporte

veja também