MENU

Brasil é confirmado como cabeça-de-chave na Copa 2010

Brasil é confirmado como cabeça-de-chave na Copa 2010

Atualizado: Quarta-feira, 2 Dezembro de 2009 as 12

Brasil, Argentina, Alemanha, Espanha, Holanda, Inglaterra, Itália e África do Sul serão os oito cabeças-de-chave da Copa do Mundo de futebol da África do Sul, anunciou nesta quarta-feira a Fifa, que deixou a França de fora.

A Federação Internacional de Futebol decidiu privilegiar o ranking de nações para decidir os cabeças-de-chave e adotou como referência o de outubro de 2009, no qual a Holanda, que lutava com a França para ficar no primeiro grupo, ocupava o terceiro lugar, enquanto os franceses, o nono.

''A Holanda teve uma grande fase de classificação, como a Espanha, por ter vencido todas as suas partidas, portanto merece estar no grupo 1'', afirmou o secretário-geral da Fifa, Jerome Valcke.

O dirigente negou que a França tenha sido relegada a outro grupo devido à forma controversa como se classificou, com o lance de mão de Thierry Henry na partida de volta da repescagem contra a Irlanda, em uma jogada que terminou com o gol de William Gallas e a conseguinte classificação dos franceses para a Copa do Mundo.

Brasil, Espanha, Holanda, Itália, Alemanha, Argentina e Inglaterra, como os sete primeiros classificados do ranking de outubro, foram declarados cabeças-de-chave e entrarão no primeiro grupo do sorteio, junto à África do Sul como país organizador.

A França ocupava o nono lugar em outubro, atrás de Croácia (oitava), que não se classificou para a competição.

A última classificação da Fifa, a de novembro de 2009, não foi levada em conta, pois dava vantagem às equipes que tiveram de passar pela repescagem. 

A França, por exemplo, passou em novembro do nono para o sétimo lugar, e Portugal, que tampouco foi incluído, da décima para a quinta posição.

A Fifa mudou de critério neste Mundial com relação aos dois anteriores do Japão-Coreia do Sul-2002 e Alemanha-2006, quando levou em conta as três Copas anteriores e o ranking dos anos precedentes.

Com estes critérios, a França, finalista na Alemanha, poderia ter sido declarada cabeça-de-chave, mas a Fifa levou em conta o bom momento da Holanda, terceira no ranking atrás de Espanha e Brasil, e classificado para a Copa ganhando todas as suas partidas.

''Desta vez, a Fifa considerou que o ranking de outubro, antes da repescagem, representava de verdade o valor das equipes europeias'', destacou Valcke.

Como em Copas anteriores, a Fifa recorreu a um critério geográfico para dividir as outras equipes nos três potes restantes, para evitar que haja muitas seleções de um mesmo continente juntas nos oito grupos que serão sorteados sexta-feira na Cidade do Cabo.

Deste modo, o pote 2, com as equipes da Ásia, Oceania e Concacaf, estarão Austrália, Japão, Coreia do Norte, Coreia do Sul, Honduras, México, Estados Unidos e Nova Zelândia.

No terceiro pote, ficarão as outras cinco seleções africanas e as três sul-americanas: Chile, Paraguai, Uruguai, Nigéria, Camarões, Costa do Marfim, Gana e Argélia.

Por último, no quarto pote, irão as demais equipes europeias: Dinamarca, França, Grécia, Sérvia, Portugal, Eslovênia, Eslováquia e Suíça.

veja também