MENU

Brasil encara Chile na segunda rodada do Sul-Americana

Brasil encara Chile na segunda rodada do Sul-Americana

Atualizado: Terça-feira, 20 Setembro de 2011 as 10:22

Em time que está ganhando também se mexe. Mesmo com a vitória tranquila sobre o Uruguai nesta segunda-feira, o Brasil deve ter mudanças para a segunda rodada do Campeonato Sul-Americano, em que enfrenta o Chile, nesta terça-feira. Alguns jogadores comentaram que, mesmo ainda sem a confirmação de Bernardinho, acreditam que o treinador deve alterar a formação titular para que todos adquiram ritmo para os jogos contra Venezuela e Argentina, no fim de semana.

A partida terá transmissão ao vivo do canal SporTV, a partir das 22h30m (horário de Brasília) direto do Ginásio Poliesportivo Professor Aecim Tocantins, em Cuiabá.

Após estreia tranquila, Brasil encara o Chile no Campeonato Sul-Americano (Foto: Divulgação/CBV)

  Daniel Nejamkin, técnico da equipe chilena, não se queixou da tabela, que colocou seu jovem time frente a frente com as duas maiores forças do continente já nas rodadas iniciais. Ciente que o Brasil não facilitará a vida de seus comandados, o treinador admitiu que, o que vier, é lucro.

- Vamos tentar fazer o mesmo que fizemos contra a Argentina. Vamos tentar ser o mais agressivo possível, mas nosso jogo está muito abaixo e precisamos ser objetivos, sem criar expectativas.

Uma das principais armas chilenas é o capitão Sebastian Gevert. Na derrota para os argentinos, o atleta de 23 anos teve 14 acertos, mesmo número da estrela alviceleste, Facundo Conte.

Nível mais alto a cada jogo

Maior pontuador do Brasil na estreia, Thiago Alves acredita que os chilenos vão impor mais dificuldades do que os uruguaios. Apesar do adversário desta terça também ser jovem e ter pouca expressão no cenário internacional, o grupo treina junto há mais tempo e não fez feio – sobretudo no primeiro set – diante da Argentina.

- Acredito que o nível dos jogos vá crescendo aos poucos até o fim de semana. O importante é nos prepararmos para chegarmos bem nas partidas que vão nos exigir mais no fim do campeonato.            

veja também