MENU

Brasil para em oposto canadense e perde a segunda na Liga Mundial

Brasil para em oposto canadense e perde a segunda na Liga Mundial

Atualizado: Sábado, 19 Maio de 2012 as 11:29

A temporada 2012 não começou bem para a seleção brasileira masculina de . Depois de perder na estreia na Liga Mundial para a Polônia, a equipe de Bernardinho, jogando mais uma vez na cidade de Toronto, caiu diante dos donos da casa. O Canadá venceu por 3 sets a 2 (25/23, 20/25, 25/20, 24/26/ e   ) em   de jogo. O Brasil, que busca o 10º título na Liga, tem um dos seus piores começos no torneio.

O nome do jogo foi Gavin Schmitt, oposto canadense de 2,08m. Ele foi o maior pontuador do confronto com 33 bolas no chão (29 no ataque e quatro no saque). Do lado nacional, Wallace foi quem mais acertou, com 17 pontos.

Ricardinho, que voltou ao time nacional nesta competição depois de cinco anos afastado, foi mais uma vez o titular. Entretanto, Bernardinho mexeu bastante no time. No quarto set, entre os que começaram em quadra, apenas Sidão continuou jogando. As mudanças ajudaram a levar o jogo para o tie-break, mas a seleção não conseguiu parar os ataques de Schmitt.

A chance para a recuperação pode ser neste domingo. A seleção masculina volta para quadra e encara a Finlândia na última partida desta rodada da Liga Mundial, às 17h (horário de Brasília). Na próxima semana, os jogos do grupo serão Katowice, na Polônia, nos dias 1, 2 e 3 de junho. Brasil, Canadá, Polônia e Finlândia se enfrentam mais uma vez.

 

O jogo O Canadá começou melhor e logo abriu 8 a 2 na primeira parada técnica. Bernardinho fez a inversão de 5-1, colocando Bruninho e Théo nos lugares de Wallace e Ricardinho e o Brasil reagiu, enconstando em 10 a 9 depois de ace de Lucão e toque na rede canadense. Mas os donos da casa seguiram melhores e voltaram a abrir. Eles fizeram 19 a 12 no erro de Dante. Com dois bloqueios seguidos, o Brasil ainda salvou set points, mas acabou derrotado por 25 a 23. Foram 10 pontos dados de graça ao Canadá na parcial

 

No segundo set, o Canadá saiu na frente no erro de Dante no ataque, mas o Brasil logo virou. O set ficou equilibrado e se o Brasil abria três pontos, logo o Canadá encostada ou empatava de novo. Na parte final, a seleção de Bernardinho deslanchou e aplicou 22 a 18 com um bloqueio. Lucão ainda fez mais um belo saque e levou o time ao set point. O Brasil venceu por 25 a 20 no erro canadense.

 

O Canadá voltou a crescer na terceira parcial, e o Brasil passou a errar mais. Foram oito pontos dados em falhas no set. No primeiro tempo, a vantagem dos donos da casa era de 8 a 6. O Brasil só conseguiu virar no 17 a 16, com bloqueio. Na sequência, com série de erros, viu os canadenses marcarem 21 a 17. Eles chegaram ao set point depois de um ótimo saque e bloqueio, no 24 a 19. O veterano central Brikman fechou no 25 a 20.

Mudanças em quadra no quarto set. Bruninho, Thiago Alves, Théo e Rodrigão, que haviam entrado na parcial anterior, seguem em quadra. Bernardinho também colocou o novato Lucarelli. O time começou melhor e logo abriu 6 a 2. Mas o Canadá encostou com ace de Schmitt e no primeiro tempo estava só 8 a 6. A diferença foi a mesma na segunda parada, com 16 a 14 para o Brasil. Com bloqueio em Lucarelli, Canadá empatou em 17 a 17. Depois, virou em 19 a 18 no saque de Howatson. A seleção voltou a liderar, mas o jogo ficou novamente empatado em 24 a 24. Depois, em uma bola fora canadense, o Brasi empatou a partida com 26 a 24 na parcial.

No tie-break, o Canadá saiu na frente. Com um bloqueio simples, o time da casa marcou 7 a 3. Bernardinho voltou Ricardinho e Wallace em uma nova inversão de 5-1. Os canadenses seguiram contra-atacando mais e fizeram 9 a 4. O Brasil diminuiu com ace de Sidão no 10 a 7 para os anfitriões. Mas os canadenses seguiram melhores e, no ataque para fora de Thiago Alves, fecharam em 15 a 10.


Continue lendo...

veja também