MENU

Brasil volta a se impor e devolve derrota para Holanda

Brasil volta a se impor e devolve derrota para Holanda

Atualizado: Segunda-feira, 14 Junho de 2010 as 8:30

Neste domingo, a seleção brasileira reabilitou-se da derrota do sábado (que encerrou uma invencibilidade de 25 jogos) e se vingou dos holandeses por 3 sets a 1, parciais de 25/14, 25/27, 25/18 e 25/19).

Irreconhecível no dia anterior, a seleção brasileira voltou para a segunda partida contra os holandeses, válida pela segunda rodada da Liga Mundial, bem mais concentrada e com uma postura fazendo ao jus ao status de uma das melhores da atualidade. O principal destaque foi a escalação do ídolo Giba, reserva no primeiro embate.

Ao contrário do primeiro duelo, foram os batavos que ficaram atordoados com o ritmo e começaram a tropeçar nos próprios erros. Os comandados de Bernardinho agradeceram e, em apenas 22 minutos, fecharam o primeiro set em 25 a 14.

Na segunda parcial, o central Kooistra (do Modena, da Itália), até então apagado, começou a aparecer e a equilibrar o confronto. Depois de estar perdendo por 19 a 14, os holandeses diminuíram para apenas um ponto e, posteriormente, venceram por 27 a 25. O que acabou pesando foi o descontrole emocional dos brasileiros, que discordaram de algumas decisões da arbitragem.

Depois da vitória dos europeus no segundo set, o tempo fechou no ginásio Nilson Nelson, em Brasília. Provocado pelos adversários, o treinador Bernardinho foi cobrar satisfação de maneira ríspida. Apesar da entrada da turma do 'deixa disso', o clima esquentou para o decorrer do confronto.

Longe da pilha dos laranjas, o Brasil voltou a jogar o vôlei do início e deu outra aula: 25 a 18. Desfocada, a Holanda abusou dos erros e entregou dez pontos de graça aos brasileiros. O destaque brasileiro foi o oposto Leandro Vissotto. Criticado no dia anterior, o jogador do Trentino, da Itália, virou quase todas as bolas e garantiu a redenção com uma ótima atuação.

No quarto set, os jogadores nacionais mantiveram a toada e não demoraram para abrir uma gordurinha, que permaneceu até o final. Com o triunfo, o Brasil devolve a derrota do sábado e divide a liderança do Grupo A, ao lado dos holandeses.

Os próximos compromissos da seleção, em busca do nono título da Liga Mundial, serão no próximo final de semana contra a Coreia do Sul, no Rio de Janeiro. Será a despedida da seleção do país, que, posteriormente, embarca para Holanda, Coreia do Sul e Bugária, respectivamente.

veja também