MENU

Brincadeira sobre Ronaldinho diverte os jogadores do América-TO

Brincadeira sobre Ronaldinho diverte os jogadores do América-TO

Atualizado: Quarta-feira, 12 Janeiro de 2011 as 7:19

A história da desistência da contratação de Ronaldinho Gaúcho pelo América, de Teófilo Otoni, repercutiu em toda a mídia nacional. E entre o grupo de jogadores do próprio clube não foi diferente, e o caso virou motivo de piada. Na última semana, enquanto o ex-craque do Milan negociava publicamente com Flamengo, Palmeiras e Grêmio, a diretoria do América-TO se aproveitou da situação para brincar sobre o assunto. O clube postou no Twitter que desistira do jogador pelo fato de ele ter demorado demais a responder a proposta americana.

Antes do jogo-treino contra o Florestal, equipe amadora da capital, na Toca da Raposa I, onde o clube do Vale do Mucuri realiza parte de sua pré-temporada, o técnico Gilmar Estevam brincou com a frustração da negociação com o craque que acabou indo para o Flamengo.

- A diretoria fez isso e nem consultou o treinador. O Ronaldinho Gaúcho iria chegar aqui e passar por vários testes. Não iria chegar e jogar não. Tem que mostrar trabalho porque temos o Wellington Bruno, nosso camisa dez, que vem treinando forte.

O próprio Wellington Bruno também tirou proveito da situação.

- Fiquei um pouco preocupado com a notícia de ele vir para cá. Mas acho que não teria para ele aqui não.

Para o lateral-esquerdo Bruno Barros, o caso acabou sendo benéfico para todos no clube.

- Essa história acabou sendo muito boa. O nome do América-TO foi citado em vários lugares. Foi uma boa ideia que deu mais visibilidade ao clube, sem dúvida.

Deixando as brincadeiras de lado, o treinador espera que o Campeonato Mineiro seja o diferencial na vida do clube.

- Nosso objetivo é buscar uma das quatro vagas para a segunda fase. Se formos bem no Estadual, poderemos ter uma vaga na série D e na Taça Minas Gerais, e é esse o nosso pensamento.

O clube trouxe dez reforços para a disputa do Mineiro. Entre eles, o goleiro Eládio, que se destacou no Tupi, de Juiz de Fora. Outro conhecido do grupo americano é o outro goleiro, Fábio Noronha, com passagens por Flamengo, seleções de base do Brasil e América-MG.

Por: Fernando Martins Y Miguel

veja também