MENU

Caçula da delegação, Maya Harrisson estreia nos Jogos sem medo de Whistler

Caçula da delegação, Maya Harrisson estreia nos Jogos sem medo de Whistler

Atualizado: Quarta-feira, 24 Fevereiro de 2010 as 12

Aos três anos, Maya Harrisson andou de esqui pela primeira vez. Precoce desde o início de sua história com esporte, a caçula da delegação brasileira estreará em Jogos Olímpicos nesta quarta-feira, às 15h (de Brasília). A adolescente de 17 anos será a representante do país na prova de slalom gigante e terá como missão enfrentar a montanha de Whistler.

Confiante, a detentora de três dos cinco recordes femininos do esqui brasileiro – todos conquistados em 2009 – garante que não tem medo da pista que já causou quedas e acidentes nos Jogos de Vancouver. Apesar disso, Maya lamenta não ter tido mais tempo para treinar em Whistler, devido às más condições climáticas.

- Nos primeiros dias, as condições estavam muito ruins e os treinos não foram bons. Depois melhorou e pude treinar bem. A montanha é muito bonita, mas a pista é bem difícil e arriscada. Já vimos quedas impressionantes nas primeiras provas do programa – disse Maya, que também disputará a prova de slalom especial na sexta-feira.

Preparada para alcançar o amadurecimento no esporte apenas nos Jogos de Sochi-2014, a brasileira naturalizada francesa quer surpreender em Vancouver.

- Sou muito nova e, para mim, toda essa experiência está sendo linda. Participar dos Jogos Olímpicos é um sonho para todo atleta. Estou muito contente que a hora da minha prova está chegando. Treinei muito bem nos últimos dias e isso me deixa confiante – afirmou.

veja também