MENU

Campeão brasileiro, Flu estreia em busca da hegemonia perdida

Campeão brasileiro, Flu estreia em busca da hegemonia perdida

Atualizado: Quinta-feira, 20 Janeiro de 2011 as 9:57

Chegou a hora de voltar ao batente, vestir o uniforme e entrar em campo. Com o status de campeão brasileiro, título conquistado no ano passado, o Fluminense iniciará a trajetória na temporada com um desafio diante do Bangu, nesta quinta-feira, no Engenhão, às 19h30m (horário de Brasília). O desafio é voltar a levantar a taça do Campeonato Carioca, que não vem desde 2005. E, com ela, recuperar o posto de maior campeão estadual. O Flu tem 30 conquistas, uma a menos que o Flamengo.

O duelo terá transmissão ao vivo do canal Premiere, pelo sistema pay-per-view. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos. O árbitro da partida será Péricles Bassols Cortez, e seus auxiliares Ricardo Maurício Ferreira e Eduardo de Souza Couto.

O que está em jogo

Bangu: essa é a chance de o time recuperar seu lugar de destaque no futebol carioca. Duas vezes campeão do Estadual e com um vice do Brasileiro, o Bangu tenta ter de volta o prestígio de anos anteriores no Rio de Janeiro.

Fluminense: para o Tricolor a vitória vale o orgulho de poder dizer novamente que ninguém tem mais títulos do Carioca que o clube. Com 30 conquistas, um a menos que o Flamengo, o Fluminense luta para voltar a vencer a competição. O último título foi em 2005.

As escalações

Bangu: o técnico Gabriel Vieira ainda não pode contar o volante Marcão, que não renovou seu vínculo. Mas ele terá Asprilla, experiente zagueiro que já passou por times como Botafogo e Figueirense. E conta ainda com Tiano, jogador habilidoso, no meio de campo. O provável time é: Thiago Leal, China, Asprilla, André Barreto e Fabiano Silva; Josiel, Thiago Galhardo e Tiano; Charles Chad, Somália e Pipico.

Fluminense: o técnico Muricy Ramalho tem dois grandes problemas para a estreia: Conca, que recupera a forma física após cirurgia no joelho esquerdo, e Emerson, ainda em tratamento de um problema no tornozelo esquerdo. Com isso, Souza, recém-contratado, ganha uma vaga. O goleiro Diego Cavalieri não joga porque ainda não foi regularizado.

No coletivo da última terça-feira, o técnico Muricy Ramalho escalou o time com Tartá aberto pela esquerda e Souza pela direita. Fred ficou centralizado na frente. Na disputa pela lateral esquerda, Julio César deve ficar com a vaga de Carlinhos. O time que deve entrar em campo é: Ricardo Berna, Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Julio César; Valencia, Diguinho, Deco e Souza; Tartá e Fred.

Fique de olho

Bangu: meia rápido e habilidoso, Tiano é o responsável por armar o time. O jogador se destaca também nas cobranças de falta.

Fluminense: Souza vai fazer sua estreia com a camisa do Fluminense e chega com moral. Destaque na pré-temporada, ele deve atuar caindo pelo lado direito, o que facilita também as jogadas com Mariano.

O que eles disseram

Mariano, lateral-direito: “Finalmente vamos começar (a jogar). O trabalho do Ronaldo (Torres, preparador físico) foi muito bom e agora é nos condicionarmos mais com o decorrer do campeonato.O Fluminense tem um ponto a favor que é o entrosamento. Os jogadores se conhecem dentro e fora de campo muito bem. Isso ajuda”

Números e curiosidades

* Nos últimos oito anos, apenas uma vez o Fluminense foi derrotado em sua estreia no Campeonato Carioca. Foi no Estadual de 2009, quando perdeu por 3 a 1 para o Cabofriense, em Cabo Frio.

*A última vez que o Campeonato Carioca não foi vencido por um dos quatro grandes foi há 45 anos, em 1966, quando justamente o Bangu conquistou o título. Na oportunidade, o Bangu derrotou o Flamengo na decisão por 3 a 0 no Maracanã, em partida que terminou com a expulsão de nove jogadores.

*O Bangu não vence o Fluminense há 13 anos (ou 14 jogos). O último triunfo aconteceu dia 8 de abril de 1998, pelo Campeonato Carioca, quando venceu por 2 a 1 em Moça Bonita, gols de Edílson e João, descontando César para o Fluminense.

veja também