MENU

Canadá vence clássico com os EUA e arranca o ouro no hóquei

Canadá vence clássico com os EUA e arranca o ouro no hóquei

Atualizado: Segunda-feira, 1 Março de 2010 as 12

Há quatro anos, a delegação brasileira deixava Turim com a sensação de ser “grande como o nosso país” depois do nono lugar de Isabel Clark, melhor resultado nacional na história dos Jogos de Inverno. Com o fim das Olimpíadas de Vancouver, o desempenho dos cinco atletas que vestiram os macacões verde-amarelos não mostrou números tão expressivos. Quem chegou mais perto foi novamente a carioca do snowboard cross, que terminou na 19ª posição. Também experiente, Jaqueline Mourão foi a 67ª no esqui cross country, mesma prova disputada por Leandro Ribela (90º). Já os estreantes Maya Harrisson e Jhonatan Longhi tiveram dificuldades para enfrentar as montanhas canadenses e encerraram suas participações com atuações aquém do esperado.

Ciente de que os brasileiros poderiam ter conquistado melhores resultados em Vancouver, o presidente da Confederação Brasileira de Desportos na Neve (CBDN), Stefano Arnhold, afirmou que a entidade pretende aumentar sua base de atletas, contratar mais treinadores estrangeiros e até mesmo implementar um centro de treinamento para esqui cross country e biatlo no interior de São Paulo.

- Não há segredo no esporte. Temos que lançar mão de tudo o que for possível para a evolução das nossas modalidades, tanto na área técnica como na de ciências, nutrição, apoio psicológico, entre outras. O objetivo é fazer com que nossos atletas cheguem a Sochi em um grau de desenvolvimento superior do que vimos em Vancouver - afirmou Arnhold, citando a próxima edição dos Jogos, que será na cidade russa, em 2014. 

veja também