MENU

Capitão australiano ignora histórico contra Itália

Capitão australiano ignora histórico contra Itália

Atualizado: Quinta-feira, 3 Fevereiro de 2011 as 3:56

Apesar do retrospecto apontar ampla vantagem para a equipe australiana contra a Itália, atual bicampeã da Fed Cup, com cinco vitórias em cinco confrontos, o capitão David Taylor, da Austrália não acredita em favoritismo do time da casa.

“Isto (o retrospecto) não tem relevância e diz respeito aos tempos de Margaret Court e Evonne Goolagong”, declarou o capitão australiano. A última vez que as duas equipes se enfrentaram pela competição foi 1988, sendo que três dos cinco duelos ocorreram ainda na década de 1970.

Em ótima forma na Fed, as italianas não perdem desde 2008, quando caíram na estreia frente à Espanha. “Este grupo é um dos melhores que há tivemos na Itália e o melhor no mundo neste momento”, declarou Corrado Barazzutti, o capitão das atuais campeãs da Fed Cup.

Do outro lado, porém, o comandante da Austrália também se mostra empolgado com suas atletas, principalmente com Samantha Stosur e Jarmila Groth, que tiveram bom início de temporada. “Estou há seis anos no comando e essa equipe é a mais forte que tive”, afirmou.

Um dos principais nomes do esquadrão italiano, Schiavone deve ter pela frente a reedição da final em Roland Garros, onde faturou seu único Grand Slam batendo Stosur. Contudo, ela não tem grandes memórias sobre a rival australiana. “Eu perdi para ela mais vezes do que gostaria, mas é sempre interessante jogar contra alguém com um bom ranking”, afirmou.

veja também