MENU

Caras, bocas e tiradas: nem frango passa na entrevista de Julio Cesar

Caras, bocas e tiradas: nem frango passa na entrevista de Julio Cesar

Atualizado: Sábado, 19 Junho de 2010 as 10:08

Julio Cesar pode até não curtir muito entrevistas coletivas, como deixou claro logo na primeira pergunta que respondeu  nesta sexta-feira. Porém, o público com certeza deve ter curtido as muitas tiradas do goleiro. Trafegando entre o bom humor e a ironia, por algumas vezes resvalando na 'marra', o camisa 1 interrompeu repórteres, deu muitas risadas e inverteu o jogo, chegando a fazer perguntas, em vez de respondê-las.

No início, o goleiro já deu uma pista de que a entrevista seria, no mínimo, diferente. Ele confessou que não se programa para coletivas, que não estuda temas em evidência e nem pensa em frase prontas antes de enfrentar os repórteres.

- Não penso no que eu vou falar. Espero as perguntas, o que é normal, e respondo do meu jeito - disse.

Mas, e as entrevistas coletivas? Gosta?

- Manda quem pode mandar, obedece quem tem juízo. Mas eu não curto, não. Mas faz parte do nosso trabalho.

Falha! Falha! Frango é muito feio. Frango é para comer, pô " Julio Cesar Depois, Julio Cesar mostrou que frango, para ele, só na mesa. O goleiro imediatamente rebateu um jornalista que usava a palavra ao comentar as falhas dos goleiros da Inglaterra e da Argélia.

- Falha! Falha! Frango é muito feio. Frango é para comer, pô - disse, interrompendo a pergunta e arrancando risadas dos presentes.

Mais sério, mas não muito, ele identificou um 'homem invisível'. Tudo porque o repórter disse que não estava vendo o goleiro, e vice-versa, pois estava encoberto por colegas.

- Estou aqui, na sua direita - respondeu o repórter.

Veio, então, a pergunta. Se ele estava liberado para dar entrevistas nas folgas como fez Robinho ou se havia alguma recomendação da comissão técnica ao contrário. Julio Cesar o acusou como quem diz brincando, mas com um jeitinho de verdade, de tentar criar um clima ruim com um companheiro.

- Você está querendo me pôr contra o Robinho? (risos).  Beleza, mas vai lá - perguntou o goleiro.

- Na folga cada um faz aquilo que quiser. Folga e beleza. Se o jogador quiser dar entrevista... (pausa) Enfim, passa aí vai - disse.

Agora eu vou perguntar para você. De onde você criou isso? Não tem isso! Ele está só seguindo uma filosofia de trabalho" Julio Cesar Titular absoluto e considerado um dos melhores goleiros do mundo, Julio Cesar implicou com a palavra, interrompendo um outro jornalista no início da pergunta.

- Absoluto, não. Corta esse absoluto aí. Eu conquistei o meu espaço.

Quando um jornalista estrangeiro quis saber como era trabalhar com Dunga já que o treinador estava "em guerra com o mundo", Julio Cesar começou a rir e falar "não, não". Em seguida, inverteu o lado. E virou repórter.

- Agora eu vou perguntar para você. De onde você criou isso? Não tem isso! Ele está só seguindo uma filosofia de trabalho - disse Julio Cesar explicando que o José Mourinho fazia o mesmo no Inter de Milão.

Quando o microfone foi parar com uma repórter equatoriana veio o momento mais engraçado. O goleiro não estava entendendo e, rindo, quis saber do diretor de comunicação da CBF se era um programa humorístico.

- É o CQC do Equador? - questionou durante a pergunta.

No fim, o goleiro não havia entendido nada da pergunta em espanhol.

- Responde aí em espanhol - pediu Julio Cesar para o companheiro Júlio Baptista, que estava sentado ao lado.

Julio Cesar durante a coletiva da seleção

(Foto: Fernando Maia / O Globo) Com a negativa do meia, Julio Cesar pediu ajuda.

- O que ela falou, mano? Dos pais? Dias dos Pais?... (longos risos).

Aí veio a resposta...

- Eu nem sabia que era Dia dos Pais domingo que vem. Então... não é? No Equador que é? Aqui? Eu não sabia. Pô, tem Dia dos Pais em tudo o que é o lugar do mundo. Em diferentes datas. Então... ah... então... sei lá... que pergunta, gente! Então... Espera aí: para os pais africanos que vão torcer pelo Brasil que a gente possa presenteá-los com uma bela vitória no domingo. Legal? Desculpa não ter entendido a pergunta. Desculpa.    fonte: globo.com

veja também