MENU

Causos do futebol: o dia em que Joel Santana deu "calote" no táxi

Causos do futebol: o dia em que Joel Santana deu "calote" no táxi

Atualizado: Terça-feira, 10 Maio de 2011 as 11:56

Dezembro de 2005. O técnico Joel Santana mais uma vez estava em alta na gangorra do futebol carioca. Afinal de contas, havia conseguido o "milagre" de livrar o Flamengo do rebaixamento, ao vencer seis jogos e empatar três nas nove últimas rodadas do Brasileirão. Contudo, sua imagem, ao menos para um torcedor, ficou um pouco arranhada.

Isso porque, no Posto 6 em Copacabana, o treinador fez sinal para um táxi dirigido por um flamenguista fanático. Ao entrar no banco do carona, Joel Santana logo ouviu do motorista.

- Pô, Joel, que honra ter você aqui. Livrou meu Mengão do rebaixamento. Sou muito grato a você.

Embora falastrão, o técnico desta vez não quis papo. Apenas observou o taxista e virou seu rosto para admirar a paisagem. Diante disso, o motorista não puxou mais assunto e ambos foram calados até o centro da cidade.

Chegando ao destino final, a corrida havia dado R$ 22,00. Joel Santana, então, abriu a carteira, puxou uma nota de R$ 20,00 e disse: "Isso paga?". Meio sem graça de reclamar com o ídolo, o taxista fez que sim com a cabeça.

Foi, então, que o espirituoso Joel Santana entrou em ação com mais uma de suas tiradas. Antes de descer do carro e bater a porta, emendou.

- Os outros R$ 2,00 ficam por eu ter livrado o teu time do rebaixamento.        

veja também