MENU

Ceni garante: contra o Botafogo, foi a quarta assistência da carreira

Ceni garante: contra o Botafogo, foi a quarta assistência da carreira

Atualizado: Segunda-feira, 26 Setembro de 2011 as 10:54

Além de arrancar o empate em 2 a 2 com o Botafogo no domingo, o destaque do São Paulo no Engenhão foi a jogada que originou o segundo gol. Rogério Ceni cobrou falta lateral e Rivaldo escorou de cabeça, aos 45 minutos do segundo tempo, garantindo um ponto para o Tricolor. Acostumado a marcar nas cobranças de falta, o camisa 1 lembrou que esta não foi a sua primeira assistência na carreira, após 1.004 jogos pelo clube.

- Não foi, não. Esta foi a quarta assistência da minha carreira, não me recordo em quais jogos foram, mas não foi a primeira vez que isso aconteceu - comentou Rogério Ceni, no desembarque do Tricolor em São Paulo.

- Eu ali sabia que tinha de colocar a bola na área. E os jogadores que estavam lá tinham de colocar a cabeça na bola, para brigar pelo lance, ainda bem que deu certo - completou o capitão.

Apesar do empate, o São Paulo perdeu uma posição na classificação, já que o Corinthians venceu (o Bahia, por 1 a 0) e assumiu a vice-liderança. Além disso, o Vasco bateu o Cruzeiro fora de casa e seguiu isolado no primeiro lugar, agora com três pontos de vantagem sobre o time do Morumbi (49 a 46).

- Isso só aumenta a necessidade de a gente vencer na próxima rodada. Quando nossos principais rivais vencem, a gente precisa ganhar para seguir nas primeiras posições - explicou.

Na próxima rodada, o São Paulo recebe o Flamengo, no Morumbi. O grande atrativo desta partida será o retorno de Luis Fabiano ao time, após sete meses recuperando-se de um problema na região posterior da perna esquerda.

- O Luis Fabiano, na posição que joga, vai ser um jogador muito importante para o nosso time nas rodadas que faltam do Brasileirão, porque é um atleta com característica que nós não temos em nosso elenco hoje. O Henrique e o Dagoberto possuem uma maneira de atuar diferente, e o que mais se assemelha com o Luis, apesar de jovem, é o Willian José - analisou o camisa 1.          

veja também