MENU

"Chamei o Demian de playboy, sim", diz Anderson Silva

"Chamei o Demian de playboy, sim", diz Anderson Silva

Atualizado: Domingo, 18 Abril de 2010 as 12

Bombardeado pela crítica, Anderson Silva ainda sofre com as consequências de seu último combate, quando venceu o compatriota Demian Maia em Abu Dhabi, pelo UFC 112. Com uma postura considerada arrogante e desrespeitosa, ele foi vaiado pela torcida após o triunfo por pontos.

O lutador, campeão dos médios, admitiu ter provocado o rival e até tê-lo chamado de “playboy”, mas diz que não teve intenção de desrespeitar Demian. “Tentei fazer com que ele se frustrasse”, disse Anderson Silva, ao jornal O Globo .

“Teve um momento em que acabei encarando a parada como briga e falei coisas como: ‘Você não disse que aranha tem oito pernas e ia arrancar uma? Vambora, levanta playboy’. Chamei o Demian de playboy, sim”, afirmou Anderson, apelidado de Spider, aranha em inglês, durante sua passagem pelo Pride, no Japão.

“O Mike Tyson também fazia provocações e sempre foi criticado. Se tivesse toda essa repercussão e eu perdesse a luta, seria pior. Mas voltei para casa com o cinturão, sem levar uma beliscão, um arranhão, nada. O Spider fez o que sempre faz: fui lá, lutei e venci”, completou.

O campeão explicou que acha que a falação antes da luta, com a habitual troca de provocações entre os lutadores, foi exagerada. Para ele, o problema foi a forma que ele encontrou de “despejar a tensão” dentro do octagon.

“Não digo que perdi o controle. De coração, não faria de novo. Tentei mostrar para as pessoas e, principalmente para o Demian, que não estou ali de bobeira. Não cheguei ali à toa. Sou quatro vezes campeão mundial”, concluiu o lutador.

              REVEJA COMO FOI A VITÓRIA DE ANDERSON SILVA

              SPIDER É BOMBARDEADO PELA CRÍTICA DO MMA

veja também