MENU

Chefe da Mercedes culpa refrigeração por resultados ruins na pré-temporada

Chefe da Mercedes culpa refrigeração por resultados ruins na pré-temporada

Atualizado: Sexta-feira, 25 Fevereiro de 2011 as 4:09

Ross Brawn, chefe da Mercedes, diz que os problemas do W02, carro da equipe para a temporada 2011, foram exacerbados por causa de algumas pequenas mudanças feitas para resolver um problema de refrigeração. O dirigente, no entanto, está confiante de que o pacote definitivo para este ano estará pronto para a última sessão de testes e que as falhas não aparecerão mais no modelo.

O desempenho da Mercedes foi decepcionante durante boa parte dos testes de inverno, mas equipe e pilotos insistiram que tudo era causado por uma decisão tática. A ideia era usar um desenho básico para adquirir confiabilidade antes de usar as novidades no carro. Brawn admitiu que a falta de velocidade foi causada pelos problemas de refrigeração do carro.

- Estamos alertas quanto ao desempenho do nosso carro, a distância para os outros e as razões para isso. Tivemos de resolver os problemas de refrigeração, mas nossa ideia sempre foi a de lançar o carro com uma especificação básica para podermos nos concentrar nas evoluções. Por isso, inevitavelmente, andaríamos mais lentos do que as pessoas esperavam. Mas estou confortável com nossa posição atual e com o desenvolvimento do carro - diz Brawn.    

veja também