MENU

Chefe da USF1 rebate Ecclestone: "Estaremos no grid em 2010"

Chefe da USF1 rebate Ecclestone: "Estaremos no grid em 2010"

Atualizado: Terça-feira, 22 Dezembro de 2009 as 12

Depois de ver o presidente da Formula One Management (FOM) e detentor dos direitos comerciais da categoria, Bernie Ecclestone, se mostrar cético quanto à presença das escuderias novatas no mundial de 2010, o chefe da USF1, Peter Windsor, fez questão de rebater o dirigente. Ele garantiu a presença da escuderia norte-americana no grid e afirmou que o planejamento está em dia.

''Estou surpreso por Bernie ter dito isso. Nós estaremos lá (no Mundial). Estamos em boa forma'', afirmou Peter Windsor, em declaração à BBC. ''Tudo está indo bem e estamos ansiosos pelo próximo ano. Acabamos de terminar o chassi e gora estamos nas mãos da Cosworth (fabricante de motores)'', complementou o dirigente da USF1.

Apesar da confirmação, o futuro da escuderia ainda é obscuro. Todas as outras equipes - incluindo as recém-admitidas Virgin, Campos e Lotus F1 - têm pelo menos um piloto confirmado para 2010, enquanto a USF1 mantém suas opções vagas. Além disso, Windsor e sua equipe seguem trabalhando no carro em Charlotte, nos Estados Unidos, mas sem prazo definido para terminá-lo.

''Estamos tentando encontrar os melhores pilotos que pudermos, não há pressa'', disse o chefe da escuderia. ''Não temos data (para entrega do carro), é difícil prever quando isso ocorrerá. No entanto, haverá um momento quando vamos anunciar os pilotos na nossa fábrica, e isso será em algum momento no final de janeiro'', complementou.

De qualquer forma, USF1 e o restante das escuderias devem estar com tudo preparado até o final de janeiro, para o primeiro período de testes em Valência, na Espanha. As datas estipuladas são de 1 a 3 de fevereiro.

veja também