MENU

Chefe nega boatos de aposentadoria de Rossi após morte de Simoncelli

Chefe nega boatos de aposentadoria de Rossi após morte de Simoncelli

Atualizado: Segunda-feira, 24 Outubro de 2011 as 1

Chefe de equipe na Ducati, Davide Brivio negou os boatos de aposentadoria de Valentino Rossi, eneacampeão no Mundial de Motovelocidade, após a morte de Marco Simoncelli na etapa da Malásia da MotoGP, em Sepang, no domingo. O piloto italiano foi um dos que acertou o colega após a queda no asfalto, junto com o americano Colin Edwards, da Yamaha Tech 3.

Brivio, ex-chefe da Yamaha, seguiu com Rossi para a Ducati neste ano para continuar a trabalhar com o piloto italiano. Em sua página no Twitter, o dirigente disse que os boatos não faziam sentido.

- Vários estão perguntando sobre a aposentadoria de Rossi. Isto não é verdade, de maneira nenhuma, e peço desculpas até por ter de explicar isso - disse Brivio.

Sequência de imagens mostra como o acidente aconteceu no circuito de Sepang (Foto: Agência Reuters) Marco Simoncelli foi atendido na clínica do circuito. Só que, por causa da gravidade dos ferimentos, teve parada cardiorrespiratória e faleceu pouco menos de uma hora depois, ainda no autódromo. A corrida foi cancelada logo após o incidente. Ele sofreu lesões na cabeça, pescoço e no peito. Rossi fez sua homenagem ao amigo em sua página no Twitter ainda no domingo.

- Sic era como um irmão mais novo para mim. Ele era tão duro na pista quanto era doce na vida. Ainda não acredito nisso. Sentirei muito sua falta.        

veja também