MENU

Chicão não fica nem no banco de reservas contra o São Paulo

Chicão não fica nem no banco de reservas contra o São Paulo

Atualizado: Quarta-feira, 21 Setembro de 2011 as 2:58

Chicão está fora do clássico (Foto: Ag. Estado)

  O zagueiro Chicão sequer ficará no banco de reservas no clássico desta quarta-feira, às 21h50m, contra o São Paulo, no Morumbi. A decisão partiu do próprio jogador, que gostaria de ficar treinando e recuperando a melhor forma física, e teve o aval da comissão técnica.

Capitão do Corinthians desde a aposentadoria de Ronaldo, Chicão caiu de produção nas últimas rodadas. As más atuações coincidem com o período em que o número de gols sofridos pela equipe disparou. Nos últimos nove jogos, o Timão foi vazado 16 vezes. Ainda assim, a equipe segue com a segunda melhor defesa do Campeonato Brasileiro: 26 gols sofridos.     A decisão de barrar o defensor foi tomada pelo técnico Tite logo após a derrota por 3 a 1 para o Santos, domingo passado, no Pacaembu. O treinador optou por escalar Paulo André e Wallace na zaga, passando Leandro Castán para a lateral esquerda. Ele atuará improvisado, já que os dois jogadores da posição, Fábio Santos e Ramon, estão se recuperando de contusões.

Na terça-feira, poucas horas antes do último treino, no CT Joaquim Grava, Chicão, Alessandro, Liedson, Julio Cesar e Ralf se reuniram com seis integrantes de uma torcida organizada ligada ao clube. Eles cobraram uma nova postura da equipe diante do São Paulo, adversário direto na briga pelo título. Tite garante que a pressão feita pelos torcedores não tem relação com as mudanças na equipe.          

veja também