MENU

Cielo fatura o ouro também nos 100m livre do GP de Austin

Cielo fatura o ouro também nos 100m livre do GP de Austin

Atualizado: Segunda-feira, 8 Março de 2010 as 12

Dois dias depois de vencer os 50m livre no GP de Austin, Cesar Cielo mostrou por que é o maior velocista da natação mundial e faturou também os 100m livre. O brasileiro campeão mundial das duas provas completou o evento deste sábado em 49s13, 18 centésimos à frente do americano Garret Weber-Gale, o segundo colocado.

- Virando o jogo de novo!! 49s1 na frente dos americanos!! Brasil 2x0 em Austin!! Nick 50s6 em quinto - escreveu Cielo no Twitter pouco depois da prova. A virada diz respeito aos tempos da eliminatória, na qual o campeão olímpico ficou apenas em quarto. Weber-Gale foi o mais rápido.

Nick, como Cielo escreve, é o também brasileiro Nicholas Santos, que fez o terceiro melhor tempo nas eliminatórias, mas terminou os 100m livre apenas em quinto, com o tempo de 50s67. Ele também ficou atrás de Matthew Grevers (49s45) e William Copeland (50s00). 

O tempo de Cielo na final ficou longe de seu recorde mundial (46s91), estabelecido em julho do ano passado, no Mundial de Roma - na ocasião, os supermaiôs ainda eram liberados pela Federação Internacional de Natação (Fina). Em Austin, Cielo nadou de bermuda.

Recorde sem maiô nos 50m livre

Nos 50m livre, em sua estreia na temporada 2010, na quinta-feira, Cesar Cielo conquistou a melhor marca da nova era sem os supermaiôs. De bermuda, o brasileiro venceu a prova em 22s13, 0s09 a menos que o australiano Ashley Callus, até então dono do melhor tempo desde janeiro (22s22).

A marca, no entanto, ainda está longe do recorde mundial atingido por Cielo no Torneio Open de Natação, em dezembro. Em prova no Pinheiros, clube que defende, o paulista, que negocia transferência para o Corinthians, terminou a disputa dos 50m em 20s91.

Henrique Barbosa é 7º nos 200m peito

O brasileiro Henrique Barbosa, que se classificou em segundo para as finais dos 200m peito, não repetiu o sucesso e terminou a prova em sétimo na noite deste sábado.Com o tempo de 2m19s13, ele ficou mais de quatro segundos atrás do búlgaro Michael Alexandrov (2m14s79), medalhista de ouro.

veja também