MENU

Cléber reconhece situação difícil: 'Não podemos sair com a família'

Cléber reconhece situação difícil: 'Não podemos sair com a família'

Atualizado: Sexta-feira, 23 Setembro de 2011 as 4:32

Cléber Santana: "Não podemos nem sair com a

família" (Foto: Fernando Freire/Globoesporte.com)

  A situação do Atlético-PR no Campeonato Brasileiro é delicada. Após 25 rodadas, a equipe venceu apenas cinco vezes. É o 18° colocado, à frente apenas de América-MG e Avaí. E os jogadores sofrem, fora das quatro linhas, as consequências da falta de resultado dentro de campo. É o que revela Cléber Santana, um dos líderes do time rubro-negro.

- Não podemos nem sair com a família, não podemos fazer nada que já olham de lado, desconfiam do seu futebol - comentou o volante após o treino da manhã desta sexta-feira, no CT do Caju.

O jogador de 30 anos destaca que, mesmo com vários jogadores emprestados ao Furacão apenas até o fim do ano, o grupo rubro-negro está determinado a tirar a equipe da zona de rebaixamento:     - Quem pensar diferente, não tem nem que estar aqui no Atlético, porque, independente de ter contrato com outro clube, a gente vem para um clube com a estrutura que tem, com a torcida que tem e a gente se identifica. É um clube muito bom de se jogar, é uma cidade muito boa de se viver. Ninguém quer passar por uma situação dessa, ninguém quer ir para uma Segunda Divisão e ficar com o currículo manchado - afirmou Cléber.

Para diminuir a pressão e começar a reverter a situação difícil, o Atlético-PR busca uma vitória diante do Fluminense, às 18h (horário de Brasília) de sábado, na Arena da Baixada, pela 26ª rodada.

- Espero que a gente possa agora fazer uma grande partida e conseguir os três pontos. Temos que somar sim ou sim. Que a gente possa vencer por 1 a 0 ou do jeito que seja, mas o importante são os três pontos.          

veja também