MENU

Com 11 opções, Corinthians completa 'time de sombras'

Com 11 opções, Corinthians completa 'time de sombras'

Atualizado: Terça-feira, 12 Julho de 2011 as 9:13

Ramon no treino do Corinthians (Foto: Ag. Estado)     Tite prega desde a primeira rodada que é preciso ter um elenco forte e com muitas opções para conquistar o Campeonato Brasileiro. Apesar de o treinador não gostar de dizer que o elenco está fechado, a contratação do lateral-esquerdo Ramon faz o Corinthians ter agora um titular e um concorrente direto para cada posição, como a diretoria planejou para se manter na disputa pelo título.

No ano passado, aliás, a falta de alternativas foi determinante para que o clube perdesse a taça na reta final. Com alguns jogadores machucados, o Timão passou sete jogos sem vencer durante a era Adilson Batista e ficou sem fôlego nos últimos. No final, terminou em terceiro, somente três pontos abaixo do campeão Fluminense.

Desta vez, o problema não vai se repetir, pelo menos em quantidade. Julio Cesar é o titular no gol, mas tem a sombra o jovem Renan, destaque do Avaí na última edição da Copa do Brasil. Nas laterais, Weldinho e Ramon são os reservas imediatos de Alessandro e Fábio Santos, respectivamente. O mesmo acontece com os zagueiros Wallace e Paulo André diante da dupla Chicão e Leandro Castán.    

Corinthians tem 'dois times' à disposição: titular e reserva (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)

Os mais garantidos na equipe são os volantes. Ralf e Paulinho são intocáveis não só pelo momento vivido como também pela pouca projeção dos concorrentes. Moradei nunca conseguiu se firmar, enquanto Edenílson ainda é considerado uma aposta para o futuro, mesmo realizando boas partidas. O Alvinegro conta também com Bruno Octávio, outro que sempre enfrentou a desconfiança da torcida e que sofre com seguidas lesões.

A partir do meio de campo de criação, Tite tem pela frente uma grande “dor de cabeça”. Danilo vem sendo um dos maiores destaques da equipe no Brasileirão, mas não com sossego. Na briga pela posição está Alex, reforço mais caro da temporada e que chegou ao clube com o aval do treinador. Morais, em baixa desde o Paulistão, corre por fora.

O ataque é o setor com mais possibilidades para o comandante. Jorge Henrique e Willian conseguiram fazer boas apresentações seguidamente, porém, não podem vacilar. Bicampeão brasileiro por Flamengo e Fluminense, Emerson está de olho em uma das vagas. Tite já adiantou que Alex também pode pintar no setor ofensivo, aumentando a concorrência.

Já Liedson tem cerca de dois meses de paz. O Levezinho reina absoluto como centroavante e não decepciona com seus 15 gols marcados na temporada. Entretanto, a partir de setembro, terá nada menos que Adriano na disputa. O jogador se recupera de uma cirurgia no tendão do pé esquerdo e deve voltar a fazer trabalhos no campo em duas semanas.

Tite não gosta de falar em titulares ou reservas. O treinador garante que, independentemente do nome, quem jogar bem continuará na equipe. Ele usa até o rival São Paulo como exemplo de sucesso. No tricampeonato nacional, o Tricolor não economizou e montou um elenco com muitas alternativas.

- O São Paulo e o Muricy mostraram como é importante você ter opções. Daqui a pouco machuca alguém, e você tem a quem recorrer. Não podemos nunca falar que o elenco está fechado. Um clube do tamanho do Corinthians precisa sempre ficar atento às possibilidades – ressaltou.

veja também