MENU

Com 20 anos de diferença, Sucatzky e Raulzinho são as armas do Minas

Com 20 anos de diferença, Sucatzky e Raulzinho são as armas do Minas

Atualizado: Sexta-feira, 29 Outubro de 2010 as 9:22

A experiência do Minas atende pelo nome de Facundo Sucatzky, argentino de 38 anos. Para equilibrar, a nova geração da equipe é liderada por Raulzinho, promessa da equipe e da seleção brasileira. São 20 anos de diferença entre os dois jogadores, que, aliás, jogam na mesma posição, como armadores.

Uma grande novidade na equipe neste ano foi a saída do técnico Flavio Davis. Depois de dez anos no comando do time, ele vai agora trabalhar nas categorias de base do clube. Para seu lugar, chegou o argentino Nestor Garcia. Outro gringo também pode chamar a atenção: o americano Bernard Robinson, ex-Charlotte Bobcats e New Jersey Nets.

O craque

Sucatzky pode não ser mais um garoto, mas o argentino é o grande nome das assistências. Ele foi o líder deste quesito nas duas primeiras edições do NBB, com 7,3 de média em 2008/2009, e 9 assistências por jogo em 2009/2010.

Fique de olho

Raulzinho foi a grande aposta do técnico Rubén Magnano no Mundial de Basquete, na Turquia. O garoto de 18 anos passou por uma espécie de vestibular durante a preparação, foi escolhido para disputar o torneio e ainda ganhou elogios do treinador da seleção.

Até onde vai?

Recém-chegado ao clube, o técnico argentino Nestor Garcia, que já passou por clubes como Boca Juniors e Peñarol, além das seleções do Uruguai, de Porto Rico e Arábia Saudita, planeja o caminho do Minas passo a passo. O treinador espera dar forma ao time com rapidez: "Primeiro, queremos fazer uma equipe. São muitos jovens. Eu acredito muito na minha equipe, mas tenho que ter respeito pelas outras equipes, até por não conhecê-las tão bem. Mas são muitos nomes conhecidos. É um campeonato forte".

Campanha no último NBB

Quarto colocado na fase de classificação, o Minas foi eliminado na semifinal perdendo por 3 a 2 para o Brasília, que terminou a temporada campeão.

Estreia neste campeonato

30/10, 18h, fora de casa, contra o Araraquara.

Por: João Gabriel Rodrigues e Leonardo Velasco

veja também