MENU

Com boa atuação de Vissotto, Brasil vence Coreia do Sul de novo

Com boa atuação de Vissotto, Brasil vence Coreia do Sul de novo

Atualizado: Domingo, 4 Julho de 2010 as 1:27

O dever de casa foi feito. A seleção brasileira masculina de vôlei se despediu da Coreia do Sul, neste domingo, com a segunda vitória fora de casa sobre os sul-coreanos, e mais três pontos na classificação geral da Liga Mundial. As parciais foram de 25/18, 25/23, 23/25 e 25/15, em uma hora e 49 minutos.

Com o resultado, o time brasileiro se mantém na liderança do grupo A, e agora enfrentará cerca de dez horas de viagem até a Bulgária. Na cidade de Varna, jogará contra os donos da casa, vice-líderes da chave, nos próximos dias 8 e 9, decidindo a classificação para a fase final, em Córdoba, na Argentina.

O oposto Leandro Vissotto foi o maior pontuador contra os sul-coreanos, com 24 acertos, sendo 19 de ataque, quatro de bloqueio e um de saque. Sung Moon, da Coreia do Sul, pontuou 21 vezes.

"Foi um ótimo jogo e fundamental termos conquistado os seis pontos na Coreia. Vamos chegar na Bulgária com mais ritmo de jogo, e a tendência é melhorar ainda mais para estas próximas duas partidas que valem a classificação para afinal", ressaltou o jogador.

Divulgação O oposto Leandro Vissotto foi o maior pontuador do Brasil na vitória desta madrugada

Giba, com uma contratura nas costas, voltou a ser poupado nesta segunda partida com a Coreia do Sul.

O jogo

Com quatro pontos de bloqueio e um de saque, a seleção brasileira foi superior no primeiro set e não deu chances ao adversário. O Brasil chegou aos dois tempos técnicos com a vantagem de 8/3 e 16/9. Vissotto marcou nove vezes e o Brasil venceu por 25 a 18, em 25 minutos.

No set seguinte, a Coreia do Sul chegou na frente no primeiro tempo técnico: 7/8, após um ponto de bloqueio. Na segunda parada, o Brasil tinha 16/14 depois que Dante sacou, e na má recepção do adversário, Bruno atacou. Um bloqueio de Dante selou a vitória por 25/23.

O equilíbrio marcou o terceiro set. As duas equipes permaneceram iguais no placar até o 15o. ponto. Lucas fez 16/15, e Murilo marcou 17/15. Mas os donos da casa empataram, com dois bloqueios consecutivos. O Brasil voltou a passar na frente: 20/18. Em um erro de saque brasileiro e mais um bloqueio da Coreia do Sul, novo empate. Os dois últimos pontos dos sul-coreanos vieram em um erro de recepção da seleção brasileira e no bloqueio: 23/25.

O quarto set foi mais tranquilo para a equipe brasileira. O bloqueio funcionou melhor e, em uma finalização do ponteiro e capitão Murilo, o Brasil ganhou por 25 a 15.

Gazeta Esportiva

veja também