MENU

Com carro antigo, Rosberg faz melhor tempo da semana; B. Senna é 8º

Com carro antigo, Rosberg faz melhor tempo da semana

Atualizado: Quinta-feira, 9 Fevereiro de 2012 as 2:34

Pelo segundo dia seguido um carro de 2011 liderou os testes da pré-temporada de 2012 da Fórmula 1 em Jerez de la Frontera. Com o modelo antigo da Mercedes, o alemão Nico Rosberg dominou os trabalhos desta quinta-feira, que marcaram a estreia do brasileiro Bruno Senna pela Williams - ele ficou na oitava posição.

A jornada foi a última da Mercedes em Jerez, visto que a equipe abriu a mão de ir à pista nesta sexta-feira, data do fim das atividades no circuito espanhol. O novo monoposto da montadora só entrará em ação a partir de 21 de fevereiro, quando começam os testes de Barcelona.

Enquanto não utiliza o equipamento novo, Rosberg tratou de marcar o melhor tempo da semana na abertura dos testes de 2012. Ele anotou 1min17s613 para pulverizar a marca de 1min18s561 que havia feito de seu companheiro, o também alemão Michael Schumacher, o líder da quarta-feira.

Corredor mais veloz pela manhã nesta quinta - até as 12h locais (9h de Brasília) -, o francês Romain Grosjean também andou abaixo do ritmo de Schumacher. O novo piloto da Lotus seguiu com 1min18s419, fechando o dia na segunda colocação.

Na parte da tarde, o alemão Sebastian Vettel melhorou e chegou ao terceiro posto da tabela de tempos com 1min19s297. Sua marca, porém, ainda não alcançou a de Mark Webber, que treinou nos dois dias anteriores com a nova Red Bull e chegou a fazer 1min19s184.

Com 1min19s464, Lewis Hamilton encerrou a jornada na quarta posição, superando o rendimento de Jenson Button, oitavo no dia anterior com 1min20s688. Fecharam o grupo dos seis mais rápidos o francês Jean-Éric Vergne, da Toro Rosso, e o mexicano Sergio Pérez, da Sauber.

Após ter um problema hidráulico e girar apenas 14 voltas pela manhã, o espanhol Fernando Alonso voltou à pista na parte da tarde e melhorou seu tempo para 1min20s412, sendo o sétimo colocado. Ao longo dos dois últimos dias foi o brasileiro Felipe Massa quem estreou a nova Ferrari, com a melhor marca de 1min20s454.

A oitava posição foi do brasileiro Bruno Senna. Estreando pela Williams, ele foi o piloto que mais completou voltas nesta quinta, com 125. A melhor, em 1min21s293, ficou próxima à mais rápida dada na última quarta-feira pelo outro piloto da equipe, o venezuelano Pastor Maldonado: 1min21s197.

Via Twitter, a Williams elogiou as atividades do dia, apontando que a prioridade era fazer um "detalhado programa de testes" e não lutar por "voltas de qualificação". As condições de pneus, combustível e abertura de asa móvel podem variar de carro para carro, o que dificulta a comparação dos tempos em Jerez.

A jornada ficou completa com o holandês Giedo Van der Garde, reserva da Caterham que figurou no nono posto. A Force India também deveria treinar, porém o reserva da equipe, o francês Jules Bianchi, perdeu o controle do carro e bateu a parte traseira na barreira de pneus. Apesar do acidente leve, a escuderia não conseguiu consertar o veículo a tempo de voltar para a pista, prejudicando o trabalho do alemão Nico Hulkenberg.

Substituto de Adrian Sutil como titular, Hulkenberg estrearia a bordo do VJM05 nesta quinta. Assim, o ex-piloto da Williams terá que esperar para trabalhar nesta sexta.

Veja os tempos dos testes da Fórmula 1 nesta quinta-feira em Jerez de la Frontera:

1. Nico Rosberg (ALE/Mercedes) - 1min17s613 (118 voltas) 2. Romain Grosjean (FRA/Lotus) - 1min18s419 (117) 
3. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) - 1min19s297 (96) 
4. Lewis Hamilton (ING/McLaren) - 1min19s464 (80) 
5. Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso) - 1min19s734 (79) 
6. Sergio Perez (MEX/Sauber) - 1min19s770 (48) 
7. Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - 1min20s412s (67) 
8. Bruno Senna (BRA/Williams) - 1min21s293 (125) 
9. Giedo van der Garde (HOL/Caterham) - 1min23s324 (74) 
10. Jules Bianchi (FRA/Force India) - sem tempo

veja também