MENU

Com cinco de Messi, Barcelona humilha Leverkusen e avança na Liga

Com cinco de Messi, Barcelona humilha Leverkusen e avança na Liga

Atualizado: Quarta-feira, 7 Março de 2012 as 7:10

iG São Paulo

Argentino está a apenas seis gols de se tornar o maior artilheiro da história do time catalão

Promissor prata-da-casa, Tello saiu do banco e marcou dois para completar a humilhação do Barcelona

Foto: AP

Em uma partida fabulosa do argentino Lionel Messi, o Barcelona humilhou o Bayer Leverkusen por 7 a 1 e avançou às quartas de final da Liga dos Campeões nesta quarta-feira. O atacante marcou cinco gols - algo inédito em sua carreira -, dois deles por cobertura, e agora está a apenas seis tentos de se tornar o maior artilheiro da história do clube catalão (veja um apanhado de gols de Messi pelo time). Tello completou o placar para os catalães, aproveitando duas jogadas pela ponta esquerda, enquanto Bellarabi marcou o de honra do adversário. Na outra partida desta quarta, o APOEL, do Chipre, vai vencendo o francês Lyon por 1 a 0. O jogo está na prorrogação.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O domínio do Barcelona foi tão amplo que o time chegou a ter 70% da posse de bola durante a partida. E o placar só não foi maior porque, após o sexto gol, a equipe espanhola apenas tocou a bola de um lado para o outro e esperou o tempo passar, evitando desgaste desnecessário - compreensível, já que o confronto terminou em 10 a 2 no agregado. Os alemães, por sua vez, aceitaram o resultado e não partiram para a violência, deixando o Camp Nou com apenas dois cartões amarelos.

Veja as chaves e os próximos jogos da Liga dos Campeões da Europa 2011/12

A Liga dos Campeões volta na próxima semana, com grandes confrontos para ver quem chega às quartas de final. No dia 13 (terça-feira), o Bayern de Munique recebe o Basel, enquanto a Inter de Milão duela contra o Olympique de Marselha. Ambos os anfitriões perderam por 1 a 0 na partida de ida. Já no dia 14 (quarta-feira), o Real Madrid decide a classificação contra o CSKA após o 1 a 1 no primeiro jogo, com o Chelsea tentando reverter a vantagem de 3 a 1 do Napoli no mesmo dia. Todas as partidas terão início às 16h45 (horário de Brasília).

O jogo Como sempre faz quando atua no Camp Nou, o Barcelona começou a partida colocando o adversário na roda e chegando com frequência à meta do Bayer Leverkusen. O goleiro Leno tentava impedir o gol de todas as maneiras, mas não conseguiu parar Lionel Messi cara-a-cara. Calmo, o argentino recebeu lindo passe de Xavi e finalizou por cobertura para abrir o placar aos 26min, encaminhando a classificação praticamente conquistada já no jogo de ida, na Alemanha.

LIGA DOS CAMPEÕES: Arsenal fica perto de milagre, mas Milan perde "só" de 3 e avança

Nervosos e perdidos em campo, os jogadores do Leverkusen só conseguiam parar os catalães à base de faltas. Mas isso não impedia as tramas de Iniesta pelo meio-campo. O baixinho era um dos mais perigosos, e aos 43 minutos iniciou a jogada e achou Messi na área. O argentino levou para o meio e bateu forte para ampliar e aumentar o calvário do time alemão. Sem forçar, o Barcelona levou a boa vantagem para o intervalo, enquanto os jogadores do Bayer deixaram o gramado cabisbaixos.

LIGA DOS CAMPEÕES: Benfica vence Zenit e volta às quartas da Champions após 6 anos

Promissor prata-da-casa, Tello saiu do banco e marcou dois para completar a humilhação do Barcelona

Foto: AP

A segunda etapa começou praticamente como um replay do primeiro tempo. Mas o gol saiu mais cedo: logo aos 5min, Messi recebeu lançamento e novamente encobriu o pobre goleiro Leno, que ficou desolado enquanto o argentino comemorava. O jogo estava tão fácil que o técnico Josep Guardiola já começou a poupar seus jogadores e trocou Xavi e Iniesta por Tello e Keita. E o jovem Tello aproveitou bem a chance: pouco depois de entrar, recebeu livre pela esquerda e ampliou para 4 a 0.

Messi, porém, estava impossível. Aos 13min, ele aproveitou falha incrível da zaga do Leverkusen e só rolou para dentro. Pouco depois, Tello aproveitou nova jogada pela ponta esquerda e aumentou a humilhação para 6 a 0. Satisfeito, o Barcelona apenas tocou a bola e esperou o tempo passar. Ainda sobrou tempo para Messi marcar seu quinto e o Leverkusen anotar o de honra antes do Barça avançar às quartas de final da Liga. Ao time alemão, resta lamentar e tentar voltar à competição na próxima temporada.

FICHA TÉCNICA - Barcelona-ESP 7 x 1 Leverkusen-ALE (agregado: 10 x 2) Liga dos Campeões da Europa 2011/12 - Oitavas de final
Local: Estádio Camp Nou, em Barcelona-ESP
Data: 07 de março de 2012, quarta-feira
Horário: 16h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Svein Oddvar Moen (NOR)
Assistentes: Kim Thomas Haglund e Frank Andås e Marko Stancin (ambos NOR)
Cartões amarelos: Rolfes e Castro (LEV)

GOLS:
BARCELONA: Messi, aos 25 e aos 42 minutos do primeiro tempo e aos 5, 13 e 40 minutos do segundo tempo; Tello, aos 10 e aos 16 minutos do segundo tempo
LEVERKUSEN: Bellarabi, aos 45 minutos do segundo tempo

BARCELONA: Valdés; Daniel Alves, Piqué, Mascherano e Adriano (Muniesa); Busquets, Iniesta (Tello), Fábregas e Xavi (Keita); Pedro e Messi Técnico: Josep Guardiola

LEVERKUSEN: Leno; Castro, Schwaab, Toprak e Kadlec; Rolfes, Reinartz, Bender (Schürrle) e Renato Augusto (Oczipka); Kießling e Derdiyok (Bellarabi) Técnico: Robin Dutt


Continue lendo...

veja também