MENU

Com contratos longos, Vasco conta com base pronta para Libertadores

Com contratos longos, Vasco conta com base pronta para Libertadores

Atualizado: Segunda-feira, 5 Dezembro de 2011 as 12:10

A temporada acabou, mas o Vasco já começa a se movimentar nos bastidores para sacramentar a renovação de algumas peças que estão próximas do fim de seu contrato. A prioridade é o trio formado por Juninho Pernambucano, Bernardo e Elton. As negociações estão adiantadas e a diretoria mostra otimismo. De resto, os vascaínos podem ficar bem tranquilos afinal de contas, com contratos longos, a base campeã da Copa do Brasil e vice-campeã do Campeonato Brasileiro está mantida.

O caso de Bernardo aparentemente está adiantado. O novo contrato do apoiador está pronto e tem duração até dezembro de 2015. No entanto, o Vasco precisa reunir recursos para adquirir 50% dos direitos econômicos junto ao Cruzeiro. O preço foi estipulado em 1,5 milhão de euros (aproximadamente R$ 3,5 milhões). Segundo Rodrigo, o clube tem até o dia 31 de dezembro para depositar a quantia e ele acredita no sucesso.

- Existe a possibilidade de pagarmos com recursos próprio do Vasco ou então contando com o auxílio de parceiros investidores. Mas é certo que contamos com o jogador e vamos exercer o nosso direito de compra. Até o fim desta semana vamos notificar o Cruzeiro - afirmou o diretor de futebol do Vasco.

Juninho Pernambucano é um caso que demanda um pouco mais de conversa. O Reizinho veio recebendo um simbólico salário de aproximadamente R$ 600 e já avisou que não vai renovar com um valor semelhante. Resta ao clube conseguir montar um novo projeto para o camisa 8. Rodrigo Caetano afirmou que as duas partes já manifestaram interesse na renovação.

- Depende muito dele também. Mas já tivemos recentemente algumas conversas preliminares e ele manifestou desejo de continuar assim como nós também deixamos claras as nossas intenções. Vamos trabalhar esta situação nos próximos dias - afirmou.

Elton pertence a um grupo de empresários e está emprestado ao Vasco até dezembro. A diretoria ainda estuda qual a estratégia que será definida. Existe a possibilidade de o empréstimo ser renovado assim como também existe a chance de o clube fazer um investimento e adquirir parte dos direitos econômicos do jogador e sacramentar um contrato maior.    

veja também